O empresário da região e presidente do grupo Carta Fabril, José Carlos Pires Coutinho, de 75 anos, faleceu na manhã desta quinta-feira, em Niterói. Ele foi deputado federal pelo Partido Liberal (PL) em 1987 e votou pela abertura do processo de impeachment contra o então presidente Fernando Collor de Melo. Coutinho foi reeleito pelos eleitores de sua base, em São Gonçalo.

Durante a tragédia de Mariana (MG), em 2015, quando a barragem da mineradora Samarco inundou toda a cidade, o empresário cedeu um caminhão para que um grupo de Niterói levasse água potável para os moradores da região, isolados pela enchente.

O corpo está sendo velado no cemitério Parque da Colina, em Niterói, e será cremado amanhã (9). O empresário, que também é tio do deputado federal Altineu Cortes, deixou quatro filhos.