Muito ouvimos falar sobre o feijão não é? Que ele é o grande vilão, super calórico, que engorda, possui carboidrato e por isso não devemos abusar, dentre outras.
Na verdade, nenhum alimento por si só tem a capacidade de engordar ou emagrecer. Isso depende muito da quantidade que é consumida e isso falo sobre qualquer alimento. A combinação do arroz com feijão é riquíssima em aminoácidos metiolino dezina, que é uma composição muito importante para o organismo e por isso, não podemos sair retirando esses componentes da nossa alimentação.
O equilíbrio de calorias é fundamental para a perda de peso. Qualquer alimento engorda se você comer uma quantidade abusiva por dia e não fizer exercícios o suficiente para queimar essas calorias, assim como qualquer outro alimento que contém calorias.
Vale ressaltar também que um fim de semana de farra alimentar (risos) não pode passar despercebido e depois não vale por a culpa no feijão.
Para anotar no caderninho:
– o arroz é rico em metionina
– o feijão é rico em lisina
– metionina e lisina são aminoácidos essenciais que o corpo não produz
– logo, devem ser ingeridos por via da alimentação