Os jogadores brasileiros tiveram certo destaque na janela de transferências de janeiro deste ano. Três das dez negociações mais caras do período envolveram jogadores brasileiros. O meia Lucas Paquetá foi vendido ao Milan pelo Flamengo, enquanto Paulinho e Anderson Talisca foram comprados em definitivo pelo Guangzhou Evergrande.

Outros jogadores do continente americano também dominaram o mercado. A contratação mais cara de janeiro foi o norte-americano Christian Pulisic, que se juntará ao Chelsea ao final da temporada. O segundo mais caro foi o argentino Leandro Paredes, contratado pelo PSG junto ao Zenit. O europeu mais caro foi o atacante Krzysztof Piatek, contratado pelo Milan junto à Fiorentina.

Ex Flamengo, Lucas Paquetá teve sua transferência acertada para a Itália (Foto: Divulgação)

Confira a seguir as dez negociações mais caras da janela de transferências de janeiro.

1: Christian Pulisic (Borussia Dortmund >> Chelsea)

O meia norte-americano Christian Pulisic foi o jogador mais caro da janela de janeiro. O atleta de 20 anos foi contratado pelo Chelsea junto ao Borussia Dortmund por 64 milhões de euros, cerca de R$ 267 milhões. Entretanto, Pulisic continuará no Borussia até o final da temporada por empréstimo.

2: Leandro Paredes (Zenit >> Paris Saint-Germain)

O volante Leandro Paredes foi o escolhido do Paris Saint-Germain para o lugar de Rabiot, que deixará o clube ao final da temporada. Para contratá-lo junto ao Zenit, da Rússia, o PSG desembolsou 47 milhões de euros, cerca de R$ 196 milhões, e o tornou o segundo jogador mais caro da janela.

3: Paulinho (Barcelona >> Guangzhou Evergrande)

Depois de breve passagem pelo Barcelona, o volante Paulinho foi emprestado ao Guangzhou Evergrande, da China, em julho de 2017. Seis meses depois, o clube chinês exerceu a opção de compra pelo jogador, pagando 42 milhões de euros, cerca de R$ 176 milhões, para mantê-lo no time.

4 (empate): Lucas Paquetá (Flamengo >> Milan)

A maior negociação envolvendo um clube do continente americano foi a de Lucas Paquetá. O meia de 21 anos foi negociado pelo Flamengo com o Milan por 35 milhões de euros, cerca de R$ 146 milhões, ainda no início do período de transferências.

5 (empate): Krzysztof Piatek (Fiorentina >> Flamengo)

Pelo mesmo valor pago por Paquetá, o Milan contratou o atacante Krzysztof Piatek junto à Fiorentina. Contratado pela Fiorentina em julho junto ao Cracóvia, da Polônia, o atleta de 23 anos ficou entre os artilheiros do Campeonato Italiano no primeiro turno e se tornou um dos jogadores mais caros da janela.

6: Miguel Almirón (Atalanta United >> Newcastle)

No último dia da janela, o Newcastle oficializou a contratação mais cara de sua história. O meia paraguaio Miguel Almirón, que se destacou na MLS, principal liga dos Estados Unidos, atuando pelo Atlanta United, foi contratado por 24 milhões de euros, cerca de R$ 100 milhões.

7: Dominic Solanke (Liverpool >> Bournemouth)

Com ataque estrelado formado por Salah, Firmino e Mané, o Liverpool não tinha espaço para o jovem Solanke, de 21 anos. Por isso, nesta janela, o atacante foi negociado com o Bournemouth, também da Inglaterra, por 21 milhões de euros, cerca de R$ 87 milhões. Na mesma negociação, o Liverpool emprestou o lateral direito Clyne ao Bournemouth.

8: Jonny Otto (Atlético de Madrid >> Wolverhampton)

No último dia da janela de transferências, o Wolverhampton oficializou sua principal contratação. O clube inglês exerceu a opção de compra do lateral Jonny Otto, que estava emprestado pelo Atlético de Madrid, por 20,5 milhões de euros, cerca de R$ 85 milhões.

9: Anderson Talisca (Benfica >> Guangzhou Evergrande)

Em mais uma negociação importante do Guangzhou Evergrande, o clube chinês exerceu a opção de compra de Anderson Talista, que estava emprestado pelo Benfica, no valor de 19,2 milhões de euros, cerca de R$ 80 milhões. O Guangzhou já havia pago 5,8 milhões de euros pelo empréstimo.

10: Amadou Haidara (RB Salzburg >> RB Leipzig)

Logo no primeiro dia do período de transferências, o RB Leipzig oficializou sua principal contratação. O meio-campista Amadou Haidara, de apenas 19 anos, foi contratado junto ao RB Salzburg, da Áustria, por 19 milhões de euros, cerca de R$ 79 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *