As hepatites virais ( dos tipos A, B e C) atingem 500 milhões de pessoas no mundo. Somente no Brasil, já são 3 milhões de pessoas contaminadas. Para alertar a população sobre a importância da prevenção, o município de São Gonçalo lança a campanha “Julho Amarelo”. A ideia é diminuir o número de vítimas, alertando sobre formas de se prevenir da doença.

Até o dia 28 de julho, Dia Mundial de Combate às Hepatites Virais, os semáforos de algumas ruas e avenidas da cidade ganharão iluminação amarela e vários Polos Sanitários oferecerão testagem rápida para diagnóstico da hepatite. A Prefeitura de São Gonçalo também estará promovendo durante todo o mês várias ações de prevenção e promoção contínua em todas as unidades básicas de saúde do município.

COMO SE DÁ O CONTÁGIO DA HEPATITE?

As hepatites virais se transformaram em questão de saúde pública no Brasil. Cerca de 70% da população já teve algum tipo de contato com o vírus do tipo A e cerca de 15% com o vírus do tipo B. O problema é que a maioria dos portadores desconhece a doença e seguem transmitindo o vírus para outras pessoas.

Na hepatite do tipo A, a transmissão é feita através do contato com água e alimentos contaminados. No caso do tipo B, a forma de contágio é principalmente por via sexual, e as mulheres grávidas passam para o feto durante o nascimento. Os casos crônicos desse tipo de hepatite podem evoluir para cirrose e até câncer de fígado. Mas a mais grave de todas é a hepatite do tipo C.

São consideradas populações de risco indivíduos que receberam transfusão de sangue antes de 1993, usuários de drogas injetáveis, cocaína, pessoas com tatuagem ou piercing. Esse tipo da doença é responsável por 70% dos casos de óbito. A boa notícia é que a maioria dos casos de hepatite B é curável. As atividades estão sendo oferecidas pela prefeitura de São Gonçalo contarão com palestras em educação e saúde, testes rápidos de hepatites e sífilis, além de uma série de atividades que serão realizadas pelas equipes.

Foto: divulgação PMSG

Confira a lista de locais: 

25/07 às 14h- UBS Bento da Cruz- Porto Novo
26/07 às 09h- Polo Sanitário Hélio Cruz- Alcântara
28/07 às 14h- USF Bocayuva Cunha- Gradim
01/08 às 14h- USF Armando Leão Ferreira- Morro do Castro
04/08 às 14h- USF Venda da Cruz
09/08 às 10h- USF Luiz Carlos Prestes- Santa Catarina
01 e 02/08 às 10h- Praça do Relógio- Alcântara

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *