ESPECIAL: O efeito devastador da violência em escolas de São Gonçalo

ESPECIAL: O efeito devastador da violência em escolas de São Gonçalo

A violência armada que subjugou a população de São Gonçalo a uma rotina de temor reservou para a educação básica um efeito imobilizante: no último ano letivo, ao menos cinco mil estudantes da rede estadual tiveram as aulas suspensas por conta de operações policiais e confrontos entre facções criminosas, segundo dados da Secretaria de Estado de Educação (Seeduc).