segunda, 18 de janeiro de 2021

O abismo salarial entre pretos e brancos nas cidades

O abismo salarial entre pretos e brancos nas cidades

O Rio é primeiro lugar quando o assunto é diferença salarial entre brancos e negros. É o que revela a pesquisa divulgada pela Organização Não Governamental Casa Fluminense, com dados do Mapa das Desigualdades. A Capital aparece com 41,9% de diferença salarial, seguida por Japeri (31,6%) e Duque de Caxias (27,2%). Segundo o estudo liberado em agosto, Niterói também figura entre as primeiras posições no quarto lugar com 19%.