domingo, 25 de outubro de 2020

Polícia Federal suspende atendimentos no Estado do Rio

A expedição e entrega de passaportes só será permitida para quem tem viagem marcada para até 30 dias. Foto: Arquivo

A Polícia Federal (PF) decidiu suspender todo o atendimento ao público em suas dependências no estado do Rio. O motivo é a pandemia de coronavírus (Covid-19), que já contaminou mais de 30 pessoas no estado.

Mesmo os atendimentos agendados estão suspensos na superintendência, nas delegacias do interior e nos postos de emissão de passaportes a partir desta terça-feira (17).

A PF atenderá, no entanto, casos considerados de extrema necessidade. A expedição e entrega de passaportes, por exemplo, só será permitida a pessoas que tenham viagem marcada para até 30 dias.

Atendimentos a imigrantes só serão feitos nos casos em que haja necessidade de regularização migratória para exercício inadiável de direitos essenciais, como situações de trabalho que possam gerar penalidades aos empregadores.

A PF também decidiu prorrogar os prazos de vencimento de protocolos, carteiras e outros documentos relativos à regularização migratória.

A validade das reciclagens de vigilantes que vence a partir de 12 de março foi prorrogada até 12 de julho.

A PF informou que manterá a suspensão do atendimento ao público enquanto durar a situação de emergência provocada pela pandemia de coronavírus.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *