quinta, 21 de janeiro de 2021

Áreas de lazer liberadas em condomínios no Rio

Frequentadores deverão obedecer normas sanitárias. Foto: Via Grupo Plantão Enfoco

A Prefeitura do Rio decidiu liberar as áreas de lazer de condomínios e locais para recreação particular na cidade. Piscina, salão de jogos, brinquedotecas e academias de ginásticas passam a ter regimento similar às regras do comércio. A nova flexibilização acontece depois que o prefeito Eduardo Paes também anunciou a reabertura de boates e bares, mas com restrições na cidade.

De acordo com a publicação, serão três níveis de controle para os frequentadores. Para o risco moderado, os locais podem funcionar normalmente com total capacidade, desde que cumpram os protocolos sanitários, como uso de máscaras, álcool em gel e distanciamento social. Além disso, os horários de funcionamento das áreas de lazer deverão ser aumentados.

Para os locais em que o risco se apresentar alto, a publicação prevê redução no número de pessoas em 2/3 da capacidade do local. A medida fica mais restrita para os casos de risco muito alto, como academias e locais fechados, sendo a capacidade ainda mais reduzida, limitando os frequentadores a 1/3 do total de pessoas.

Para esta nova resolução da prefeitura, os síndicos serão os responsáveis pelas fiscalizações das áreas dentro dos espaços de convivência. De acordo com o texto, locais que descumprirem as regras poderão ser multados. Não há na decisão informação sobre valores de multas e como será a fiscalização.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *