quarta, 23 de setembro de 2020

Baratas vão ao fast-food em São Francisco

Cliente registrou baratas por toda a calçada do estabelecimento. Imagens via Grupo Plantão Enfoco

Imagina entrar na fila de um Drive-Thru de uma rede de fast food ansioso para comprar um lanche e ser surpreendido por uma infestação de baratas? Foi isso que um cliente relatou ter acontecido com ele na madrugada desta quarta-feira (15), na unidade do McDonald’s de São Francisco, na Zona Sul de Niterói.

De acordo com o cliente, os insetos estavam por toda parte, saindo da caixa de esgoto da unidade e até passando pelas janelas. Morador de São Gonçalo, o consumidor classificou o episódio como “nojento”. Todo o episódio foi registrado em vídeo pelo próprio cliente.

“É muito ruim quando procura um lugar para saciar a fome, sobretudo, em um lugar de renome, que não é barato, e se deparar com esta cena. É nojento, inadmissível. Não volto nunca mais lá, ficará gravado na minha memória. Nem consegui comer o lanche”, disse o cliente.

Procurado, o Departamento de Vigilância Sanitária da Fundação Municipal de Saúde de Niterói informou que realiza fiscalizações anuais para vistoria de licença de funcionamento e também fiscaliza por meio de denúncias. Sobre o episódio, acrescentou que enviará uma equipe ao local para verificação.

A rede de lanchonetes McDonald’s informou, por meio de nota, que o restaurante localizado na Avenida Quintino Bocaiúva, em São Francisco, está em dia com todos os procedimentos de dedetização e protocolos vigentes para evitar a presença de insetos em suas instalações e pediu desculpas aos clientes.

“A situação observada no vídeo se deu em pontos externos ao restaurante em virtude do período de fortes chuvas aliado às condições de alta temperatura. A Arcos Dorados [operadora da marca McDonald’s no Brasil] pede desculpas aos clientes e informa que já tomou todas providências para mitigar o problema”, finalizou.

Em outro vídeo, o cliente registra baratas na janela do estabelecimento. Imagens via Grupo Plantão Enfoco
(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

4 thoughts on “Baratas vão ao fast-food em São Francisco

  1. Infelizmente, aquele padrão de qualidade e rapidez que o Mac Donald’s tinha , se perdeu com a troca do grupo proprietário da marca….essa filial de São Francisco se destaca pela falta de compromisso e motivação dos seus funcionários…. já presenciei, por exemplo, eles torcendo para um curto circuito na fiação externa virar um incêndio pra eles não terem q trabalhar…a cada pequeno estouro eles vibravam e correram para impedir a entrada de novos clientes…

  2. Vigilância sanitária faz fiscalização uma vez por ano?? ABSURDO! TEM QUE FISCALIZAR DE TRES EM TRES MESES! NOJO!

  3. Mas SEMPRE tem barata dentro do restaurante. Por que alguém ainda vai lá? Melhor ficar com fome.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *