quarta, 30 de setembro de 2020

Cachorro sequestrado na BR-101 é encontrado

Dono do Fubá afirmou que cachorro foi encontrado. Foto: Arquivo Pessoal

O cachorro Fubá, que foi sequestrado no último sábado (12), durante um assalto na BR-101, na altura do bairro Boaçu, em São Gonçalo, foi encontrado. A informação foi confirmada na manhã desta quarta-feira (16), por Alexandre Viana, de 36 anos, dono do animal.

A família informou que o cachorro estava perdido ainda na rodovia, próximo ao Piscinão de São Gonçalo, no Boa Vista. De acordo com Rafaella Azevedo da Cruz, de 28 anos, que é esposa de Alexandre, eles receberam uma série de informações sobre animais perdidos à margem da BR-101 e decidiram ir lá verificar, na noite de terça-feira (15).

“Estávamos recebendo mensagens falando que havia cachorros perdidos próximo do local onde ocorreu o assalto e resolvemos ir lá ver. Chegando lá, perto do piscinão, tinha um cachorro perdido e acoado. Fomos chegando perto devagar e constatamos que era ele. Ele estava um pouco sujo mas está bem de saúde”, informou a dona.

Segundo Rafaella, não há recompensa melhor do que o reencontro do animal com os filhos em casa após cerca de quatro dias afastados.

“A felicidade é tanta que não cabe dentro de mim. Ele faz parte da nossa família, nossa casa estava triste, a gente não dormia e nem se alimentava direito. Nossos filhos estão radiantes e felizes com o irmão de volta. Agradeço a todos que nos ajudaram a encontrar ele”, disse Rafaella.

O caso

Fubá, de apenas oito meses, foi roubado durante assalto a um veículo na rodovia BR-101, na altura do bairro Boaçu, em São Gonçalo. O caso aconteceu no último sábado (12), por volta de 6h30.

Segundo Alexandre Viana, de 36 anos, que trabalha em um pet shop e é dono do animal, ele trafegava pela pista no sentido Itaboraí, em um veículo modelo Duster, de cor marrom, quando foi interceptado por dois veículos com, pelo menos, quatro homens armados com pistolas.

Na ação, os criminosos anunciaram o assalto e não deixaram que a família retirasse o animal. Além de Alexandre e Fubá, estavam no carro a sogra e cunhada, de 13 anos, do dono do cachorrinho, que seguiam para Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio.

“A gente mora do Rio e estava indo encontrar com meus dois filhos e esposa em Cabo Frio. Quando estávamos na BR-101 fomos abordados. Um deles ainda queria que a gente deixasse a minha cunhada no carro para que pudessem sair mais rápido, mas eu falei que ela era uma criança e o outro criminoso deixou que minha sogra a retirasse do veículo. Já o Fubá, mandaram a gente deixar no carro. Como eles estavam nervosos, a gente saiu de perto”, informou Alexandre.

Além de Fubá – que estava com uma coleira do Mickey na cor azul e vermelha – e do carro, os criminosos levaram malas, celulares, dinheiro e documentos.

Publicada às 9h50. E atualizada às 14h40.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *