quarta, 21 de outubro de 2020

Comércio de Maricá reabre em meio turno a partir de quinta

Comércio fechado e rua interditada em Maricá
Comerciantes poderão reabrir, mas em horário reduzido. Foto: Arquivo / Ascom Maricá

Maricá dará início a retomada das atividades econômicas a partir de quinta-feira (4). O município adotou estágio de cores para realizar a transição do isolamento social e a cidade entrará no Amarelo Um, que permite a abertura de comércios por meio turno. De acordo com o prefeito Fabiano Horta (PT), os lojistas ainda precisarão obedecer protocolos de saúde e higienização.

Os estágios são: Vermelho (período de lockdown), Laranja (atual, com isolamento social e proibição de comércios), Amarelo Um (reabertura gradual), Amarelo Dois (reabertura mais flexibilizada) e Azul (operação plena). Segundo Horta, os novos horários de funcionamento serão detalhados no próximo decreto da Prefeitura, mas em linhas gerais a média de trabalho será de quatro horas.

“Para ser cauteloso, vamos estabelecer a restrição do comércio por períodos menores. Os comerciantes poderão escolher o horário melhor para funcionamento, sendo de 8h às 12h ou de 14h às 18h. É um processo gradativo, restringindo as atividades para que haja um fluxo menor de pessoas nos mesmos horários”, explicou.

O que pode funcionar

As atividades essenciais continuam funcionando de maneira plena: supermercados; farmácias; hospitais, laboratórios e similares; bancos e loterias; lojas de conveniências; comércios varejistas de alimentação animal; e estacionamentos.

O estágio que se inicia a partir desta quinta-feira, autoriza a abertura de oficinas, lanchonetes, cafeterias, docerias e similares e estabelecimentos comerciais em geral que não se enquadravam na categoria de atividades essenciais. O comércio em geral poderá abrir entre 14h e 18h, já lanchonetes e afins podem funcionar por seis horas seguidas, em intervalo a livre critério.

O uso de máscaras, a oferta de álcool gel para clientes e funcionários, acessos abertos, restrição de quantidade de pessoas no estabelecimento e a proibição de experimentar produtos (calçados e roupas principalmente) estão entre as condições previstas no decreto.

Da mesma forma, o novo estágio permite o uso de áreas públicas de lazer para práticas esportivas individuais, desde que com espaçamento físico e sem compartilhamento de equipamentos.

O estágio também libera a realização de cultos religiosos, desde que não haja contato físico entre os participantes, que a ocupação do templo não ultrapasse 30% da capacidade do local e que entre os cultos haja um intervalo para higienização de todos os locais – permanece, no entanto, proibido o acesso de pessoas dos grupos de risco para Covid-19.

Para bares e restaurantes, o estágio não traz alteração no seu funcionamento. Continuam com atendimento restrito a serviços de delivery e o chamado take away, quando o cliente encomenda o produto e vai até o estabelecimento retira-lo.

Em caso de agravamento dos indicadores de saúde, o decreto prevê ainda a adoção da bandeira vermelha. Com isso, haverá um aumento das restrições à circulação nas ruas da cidade em relação às condições atuais – será possível reduzir drasticamente a frota de transporte púbico, bloquear todos os acessos a locais de lazer públicos (praias, parques, praças, lagoas) e implantar barreiras sanitárias permanentes, além de determinar o isolamento de todos os cidadãos em suas casas.

“Precisamos de uma disciplina muto grande para lidar com a nova realidade, para que a gente não possa voltar para as cores anteriores. É importante reforçar esse espírito de construção coletiva”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Igor Sardinha.

Feriados

Em todos os feriados prolongados, como o da semana que vem, de Corpus Christi (11), a cidade retoma o estágio de cor anterior. Segundo Horta, a medida visa conter a chegada de moradores de outros municípios a Maricá, mantendo a curva de propagação do coronavírus.

Desta forma, o estágio amarelo um seguirá em vigência até o próximo dia 10, véspera do feriado de Corpus Christi. Entre os dias 11 e 14, a cidade retoma o estágio laranja. E somente na segunda-feira (15), a primeira fase amarela é restabelecida.

Publicada às 17h28

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *