sexta, 27 de novembro de 2020

Cubango contou histórias de objetos de devoção do povo

Cubango em seu desfile na Sapucaí (Foto: Gabriel Nascimento|Riotur)

Sendo a última a desfilar, a escola niteroiense encantou o público a partir do culto a São Lázaro, a escola de niteroi, Acadêmicos do Cubango, veio para a Marquês de Sapucaí mostrar objetos de fé e devoção para os milagres ao ser humano. Voltando ao passado, trazendo o dom do afoxé, enredo de 1979 que troxe vitórias à comunidade.

Com artigos religiosos como balangandãs, muiraquitãs, medalhas e figas, a Cubango mostrou como é feito o pedido de proteção aos orixás e santos. A comessão de frente veio trazanedo os romeiros com figurinos remetendo ao catolicismo. O mestre-sala e porta-bandeira, Diego Falcão e Patrícia Cunha, vieram mostrando a beleza afrobrasileira.

O segundo carro foi destaque na apresentação. A festa da Penha, o Círio de Nazaré e Aparecida se mostraram na avenida. As passistas Aline Araújo e Valéria Bombom expuseram a beleza popular e a romaria da festa.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *