quarta, 20 de janeiro de 2021

Dívidas com o Patrimônio Imobiliário poderão ser parceladas no Rio

Ocupantes de imóveis municipais com débitos em aberto entre março e outubro deste ano podem utilizar o benefício. Foto: Fernando Maia / Riotur

A Prefeitura do Rio publicou nesta semana decreto que permite o parcelamento de dívidas com a Subsecretaria de Patrimônio Imobiliário, da Secretaria Municipal de Fazenda.

O pedido pode ser feito por contribuintes ocupantes de imóveis municipais com débitos em aberto referentes aos meses de março a outubro deste ano, período em que a cidade foi mais afetada pela pandemia do coronavírus.

“Trata-se de mais uma medida para ajudar o contribuinte que utiliza imóveis municipais e ainda enfrenta as dificuldades decorrentes da pandemia, além de reduzir a inadimplência”, explica a secretária de Fazenda, Rosemary Macedo.

O benefício não alcança multas e juros que incidam sobre a dívida. O valor da parcela também não poderá ser inferior a um quinto do valor devido a título de remuneração periódica, tais como mensal e anual. Além disso, o decreto não atinge créditos relativos a termos de promessa de compra e venda de bens imóveis, montantes relativos a juros e multa e os relacionados aos direitos enfitêuticos.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *