sábado, 10 de abril de 2021

Família é obrigada a abrir cova e enterrar parente em Magé

As imagens impressionam pela tristeza da família que foi obrigada a cavar e enterrar a própria familiar em um cemitério de Magé. Um vídeo com o flagrante do ocorrido provocou revolta na internet na tarde desta quinta-feira (18).

Segundo relato de amigos e familiares, a mulher faleceu na terça-feira (16) em um Hospital de Teresópolis, na Região Serrana. A família então conseguiu com a Prefeitura de Magé uma doação de caixão e também o translado do corpo até o município.  

Pessoas ligadas a família também relataram que o cemitério de Magé teria sido avisado sobre o sepultamento, mas para a surpresa dos familiares, quando chegaram no local não tinha sepultura aberta.

 Além disso, os próprios membros família tiveram que fazer o serviço de coveiros.

Em nota, a Prefeitura de Magé informou que ao tomar ciência do ocorrido, exonerou o diretor do cemitério pela atitude ‘inadmissível’ que ocorreu na unidade Magé II.

A prefeitura justifica ainda que ‘a família teve o processo do funeral todo agilizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos. Porém, quando o corpo chegou ao cemitério, todos os coveiros tinham sido liberados para o horário de almoço’.

A prefeitura conclui que lamenta profundamente e informa que todas as medidas já foram imediatamente tomadas pela gestão municipal.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *