domingo, 20 de setembro de 2020

Feiras de volta em Niterói

Feiras estão liberadas a partir de terça. Foto: EBC

As feiras livres de Niterói estão autorizadas a retomar as atividades a partir da próxima terça-feira (8). O anúncio foi feito pelo prefeito Rodrigo Neves (PDT), na noite desta quinta-feira (3), em transmissão pelas redes sociais. No mesmo dia também poderão reabrir os quiosques nas orlas da cidade.

São sete feiras em todo o município. De acordo com Neves, foram definidos protocolos sanitários para a retomada do setor, que já está há cerca de seis meses fechado.

“Precisamos retomar de maneira gradual e segura todas as atividades econômicas possíveis na cidade. Não vamos permitir aglomeração e o desrespeito aos protocolos de funcionamento, que são rigorosos para que não haja um descontrole da epidemia”, disse.

Quiosques

No mesmo dia também estará autorizada a reabertura dos quiosques na orla do município. Segundo dados da Associação dos Permissionários dos Quiosques de Niterói (APQN), são 82 estabelecimentos regularizados na cidade. Apesar de paralisados desde março, os quiosqueiros foram um dos setores incluídos no benefício de Busca Ativa (auxílio mensal de R$ 500).

O prefeito ressaltou, entretanto, que os comerciantes só poderão trabalhar no período estipulado para a prática de atividades físicas no calçadão. Desta forma, o atendimento ao público deverá ser de 6h às 12h30 e das 16h às 22h.

“A Secretaria de Ordem Pública está fazendo a delimitação dos espaços permitidos, no sentido de fazer o distanciamento social dos clientes para que a gente pode continuar retomando gradativamente as atividades. Vamos fiscalizar da mesma forma que fazemos com bares e restaurantes”, explicou Neves.

Fiscalização

O secretário municipal de Ordem Pública, Paulo Henrique de Moraes, frisou que as barreiras sanitárias continuam funcionando, em especial nas entradas da cidade e no acesso às praias da Região Oceânica. Mais de mil estabelecimentos já foram autuados por não cumprirem os protocolos sanitários estabelecidos pela Secretaria Municipal de Saúde e cerca de mil pessoas foram multadas por não usarem máscaras nos últimos quatro meses.

“Esta pandemia tem nos trazido muitos desafios que só podem ser enfrentados com efetividade pelo conjunto da sociedade. A Guarda Municipal e a Fiscalização de Posturas têm orientado os estabelecimentos e as pessoas sobre o seu papel para deter o avanço do coronavírus. A nossa prioridade é a conscientização da população”, ressaltou Paulo Henrique.

“Peço que evitem as praias. A praia é liberada apenas para exercícios físicos individuais, em horários específicos. A permanência nesse local aumenta o risco de contaminação pelo coronavírus. Continuamos fazendo as barreiras e fiscalizando para conseguir manter sob controle a pandemia na nossa cidade”, continuou.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *