sexta, 04 de dezembro de 2020

Filas e trânsito intenso em Niterói no primeiro dia de quarentena

Polícia Militar realiza ação na subida da Ponte, na Alameda São Boaventura. Foto: Marcelo Tavares

O primeiro dia de quarentena (23) em Niterói foi de trânsito lento e filas para transporte público. Moradores relataram fluxo intenso de veículos na Alameda São Boaventura, no Fonseca, zona norte da cidade, por volta de 7h, e aglomeração no terminal rodoviário João Goulart, no Centro, e na estação das barcas da praça Arariboia.

O trânsito na Alameda, uma das principais vias de acesso à Ponte Rio-Niterói, teria se formado devido a ação realizada por policiais militares e agentes do Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (Detro) para impedir a travessia de táxis, vans, carros de aplicativos e ônibus intermunicipais.

Apesar do trânsito na via, a Ecoponte afirma que o fluxo segue livre na ponte, com tempo de travessia de 13 minutos nos dois sentidos.

Motoristas também relataram trânsito intenso na Rua Noronha Torrezão, em Santa Rosa, na Zona Sul de Niterói, e na Avenida do Contorno, no Barreto, na Zona Norte.

Barcas

Passageiros relataram fila para entrar nas barcas. Foto: Via Grupo Plantão Enfoco

Na estação das barcas na Praça Arariboia, no centro da cidade, uma grande fila foi formada por volta de 6h, segundo testemunhas. A aglomeração teria se formado devido às restrições impostas para travessia.

Apenas trabalhadores de setores definidos pelo Governo como essenciais – entre eles funcionários das forças armadas, profissionais do setor da saúde, setor de comércio e do setor industrial – estão autorizados a embarcar. Além desses, pacientes em tratamento de saúde também puderam realizar a travessia.

O balconista Wellington Júnir, 25 anos, relatou que foi barrado e não pôde ir ao trabalho nesta segunda-feira.

“Eu imaginei que não conseguiria, mas tentei passar, porque o comércio só fecha amanhã (24). Apesar de não ter conseguido, concordo com a atitude das autoridades, é preciso prevenir”, disse.

Apesar das restrições, passageiros relataram que as embarcações estavam saindo cheias, inclusive com pessoas em pé.

Procurada, a CCR Barcas informou que os bloqueios das estações estão programados para que o número de passagens disponibilizadas seja exatamente igual ao número de assentos da embarcação da vez, de forma que somente passageiros sentados sejam transportados. No entanto, muitos passageiros não quiseram se sentar na manhã desta segunda-feira (23), o que pode ter causado a falsa sensação de aglomeração nas embarcações.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

16 thoughts on “Filas e trânsito intenso em Niterói no primeiro dia de quarentena

  1. O povo brasileiro é sem vergonha!! Não aceitam regras. É para a sobrevivência de cada um de nós. Fiquem em casa!! O governo devia “recolher” todos os que estão nas ruas ,inutilmente!!

  2. Também acho um absurdo o der rj de Niterói administração quer que agente trabalha na área de limpeza se Ninquem ta indo trabalhar nem onibus temos direito o governo tem que rever isso ai tem que fechar o terminal rodoviário de Niterói assim só iria o profissional que não tem como falta a trabalho área de saúde mercado.. padaria

  3. Medidas sérias, mas extremamente necessárias, no atual quadro sanitário que vivemos. Só não compreendo é se barrarem trabalhadores nas barcas,, que não se enquadram no decreto, mas impedirem táxis, ubers, ônibus na ponte, e permitirem o trânsito livre de carros particulares, como se estes não pudessem ou não fizessem transmissões do vírus com o ir e vir de seus condutores e acompanhantes. Muito estranho este procedimento ambíguo a realidade do problema.

  4. Na subida da ponte os policiais não estão parando os veículos para ver se estão na listagem de pessoas liberadas para travessia.

  5. Sobre Alameda trânsito maravilhoso que dera se um dia normal foser assim em menos de 10 minutos você cruzar alameda .

  6. Barcas cheias…isso me dá ANGUSTIA, visto que Niterói teve uma pessoa falecida há uma semana e segundo o biólogo e infectologista Atila Iamarino (YouTube) , de cada óbito confirmado, pode-se computar 1000 infectados.

  7. Mas p quem está em casa poder comer alguém tem que ir trabalhar ou não? Exagero .p cada um morto mil infectado nossa!!! Assim em 3 meses todo Rio vai estar infectado se previnam aumentem suas imunidades lavem as mãos. Fiquem longe de pessoas c gripes. Tenham mais FE!! POVO INCRÉDULO!!!

  8. Reclamem menos e peçam mais p DEUS P CURAR OS INFECTADOS NAO PRECISA SER CRENTE P PEDIR CURA A DEUS ..NAO VE QUE E O INICIO DO FIM ??? POR FE NESSES CORACOES FARA BEM P TDS ..

  9. Infelizmente ainda temos algumas pessoas ignorantes,independente de classe social.Quanto mais respeitarmos a quarentena mais rápido nos livraremos deste mal.

  10. Povo vamos ORAR pra q essa praga acabe logo, se todos orarem com certeza Deus vai mandar a cura !! DE MADRUGADA ,jejum , se possível e até melhor…peçam perdão dos seus pecados pois pode ser um castigo isso e se todos pedirem perdão isso pode acabar logo !! No mais tomem limão laranja kiwi acerola e outras frutas e legumes para manterem com sistema imunológico bem !! Limão espreme na água num copo , sou estudante de nutrição, se possível evitem a má alimentação e álcool cigarro isso tudo baixa a imunidade , um grande abraço !!

  11. Passando carro particular na ponte? Kkkkkkkk quem fica resmungando q o povo não segue regras devia ler a constituição federal q garante o direito de ir e vir das pessoas. Quem não tá cumprindo as regras são as autoridades. Mas blz todo mundo vai viver muito bem c 200 de auxílio. Queria saber se eles irão renunciar os altos salários p ficar vivendo somente três meses com 200

  12. O problema é muitis patrões nao libera e quem paga,nosdo,aluguel,luz ,agua,gas remedios que .Em outros país o governo esta ajudando.Como fica aqui? Eu estou em Marica mas vendo coisa para amigo no RJ e agora faço como.

  13. O que achei doido é a fila de idosos e aglomeração pra se vacinar contra a gripe. E, o Corona onde entra? Esqueceram disso? Preferem vacinar contra a gripe os idosos e, correrem o risco de se contaminarem com o Corona?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *