quarta, 21 de outubro de 2020

Inscrições para o Empresa Cidadã 2 terminam nesta terça em Niterói

Pelo programa, a secretaria de fazenda vai fazer o depósito de um salário mínimo, por três meses, para até nove empregados de empresas. Foto: Arquivo

A Prefeitura de Niterói encerra nesta terça-feira (26) o cadastro para o programa Empresa Cidadã 2, que vai ajudar micro e pequenas empresas, entidades religiosas, organizações sindicais, clubes e entidades filantrópicas no pagamento da folha de empregados. Pelo programa, o poder público municipal vai fazer o depósito de um salário mínimo, por três meses, para até nove empregados de empresas, entidades religiosas e organizações sindicais com até 40 funcionários sediadas na cidade. Como contrapartida, as empresas se comprometem a não reduzir seu número de funcionários até seis meses após a adesão ao programa.

A nova etapa do programa inclui clubes e entidades filantrópicas de Niterói, que terão o auxílio no pagamento de até 20 funcionários. Para essas instituições, não há limite de empregados. A expectativa é preservar 5 mil postos de trabalho e as inscrições podem ser feitas no site .

Empresa Cidadã 1 

Cerca de 2.500 micro e pequenas empresas da cidade aderiram ao programa Empresa Cidadã 1, que atendeu empresas com até 19 funcionários, que terão auxílio no pagamento de um salário mínimo para até nove empregados. O primeiro depósito para o pagamento das folhas foi feito no dia 5 de maio. Cerca de 10 mil postos de trabalho serão preservados com o programa.

“Estamos trabalhando muito para salvar vidas em Niterói, mas também é fundamental manter as nossas pequenas e médias empresas de pé durante esse período, garantindo a manutenção dos empregos. Já temos mais de 3 mil empresas inscritas no programa Empresa Cidadã, que não é um empréstimo, mas injeção direta de recursos para ajudar no pagamento da folha das nossas empresas”, disse o prefeito Rodrigo Neves, em vídeo ao vivo nas redes sociais da Prefeitura, na noite desta segunda-feira (25).

Busca Ativa

 Permissionários e trabalhadores de bancas de jornal, que têm nesta atividade a sua única fonte de renda, começaram a receber o benefício social emergencial nesta segunda-feira (25). O atendimento aconteceu na Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), no Barreto, em dois turnos, para evitar fila e aglomeração.

Nesta semana também, será aberto o processo de inscrição para motoristas de aplicativos receberem o auxílio. Para se cadastrarem e terem direito a este benefício, os profissionais precisam comprovar que são moradores de Niterói e que já atuam no município há seis meses por, pelo menos, 30 horas semanais.

Outro grupo que receberá o benefício será o de quiosqueiros. Os produtores agroecológicos também foram incluídos no programa assistencial do Município, bem como os pescadores artesanais, que serão atendidos nas próximas semanas.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *