quinta, 21 de janeiro de 2021

Isolamento social até o dia 1º de fevereiro em São Gonçalo

O prefeito Capitão Nelson também assinou o decreto 9/2021, que declara estado de calamidade pública no município. Foto: Ascom SG

São Gonçalo vai prorrogar as medidas de isolamento social até o dia 1º de fevereiro. O decreto 8/2021, com as restrições em estabelecimentos comerciais e medidas sanitárias, foi publicado neste sábado (9), no Diário Oficial Eletrônico, seguindo as determinações que já estão em vigor devido à pandemia do coronavírus.

O prefeito Capitão Nelson (Avante) também assinou o decreto 9/2021, que declara estado de calamidade pública no município. Atualmente, São Gonçalo encontra-se na fase 2 da proliferação da doença, que significa médio risco.

De acordo com o decreto 8/2021, todos os locais em funcionamento na cidade devem oferecer álcool em gel 70% para uso de funcionários e clientes, exigir o uso de máscaras faciais e manter distanciamento mínimo de um metro e meio entre as pessoas.

As academias, estúdios de musculação, pilates e centros de ginástica podem funcionar com um terço da capacidade, seguindo uma série de medidas estabelecidas.

O decreto também mantém a diminuição do fluxo de clientes dentro dos comércios, que devem funcionar com 60% de sua capacidade. As atividades e organizações religiosas podem funcionar respeitando os protocolos sanitários, assim como as feiras livres que vendem alimentos.

Os shopping centers, centros comerciais e galerias podem funcionar das 8h às 24h, com medidas para manter o distanciamento mínimo de um metro entre cada cliente e respeitando 60% de sua capacidade de atendimento em todas as instalações, inclusive na praça de alimentação e quiosques. As áreas de recreação não podem abrir e os provadores das lojas não devem ser usados pelos clientes.

Também continua proibida a realização de qualquer tipo de atividade com presença de público que envolva aglomeração de pessoas, como eventos desportivos, shows, comícios, passeatas, parques internos e externos, lojas e salas de jogos.

“Estamos tomando todas as medidas necessárias, com base em critérios técnicos da Secretaria Municipal de Saúde, para conter a propagação do coronavírus em nossa cidade. Queremos resguardar a vida dos gonçalenses, no entanto, para que isso aconteça, precisamos que todos colaborem e respeitem as medidas em vigor”, afirma o secretário de Saúde, Dr. André Vargas.

Leia o Diário Oficial Eletrônico completo no site da Prefeitura de São Gonçalo, através do link: https://servicos.pmsg.rj.gov.br/diario/2021_01_09.pdf.

Estado de calamidade

O decreto foi publicado em conformidade com a decisão do Estado do Rio de Janeiro, que prorrogou a situação de calamidade pública em virtude da emergência decorrente do coronavírus. A definição levou em consideração o aumento do número de casos suspeitos de Covid-19 em São Gonçalo e a necessidade de mitigação da disseminação da doença.

O Poder Executivo Municipal solicitará, por meio de mensagem a ser enviada à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), reconhecimento do Estado de Calamidade Pública.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *