Mais mudanças na política de Niterói

Bagueira aguarda definição na Alerj. Foto: Davi Fernandes/Arquivo

O vereador Paulo Bagueira (Solidariedade) deixará novamente a presidência da Câmara Municipal de Niterói. O anuncio foi feito pelo vereador Milton Cal (PP) em sessão legislativa na noite desta quarta-feira (10). Bagueira deixa o Legislativo para conduzir a Secretaria Municipal Executiva na Prefeitura. O vereador não completou nem um mês na cadeira de presidente, considerando que estava como prefeito em exercício no lugar de Rodrigo Neves, então preso em Bangu. A posse do vereador está marcada para esta na sexta-feira (12), em cerimônia no Museu de Arte Contemporânea (MAC) às 10h.

A dança das cadeiras na Prefeitura de Niterói se tornou constante nos últimos meses. Bagueira ocupará o posto que foi de Axel Grael (PV), nomeado na última sexta-feira (5) como novo secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Modernização da Gestão (SEPLAG).

Axel está entre os remanejados na Prefeitura de Niterói. Foto: Arquivo

“Continuo a manter a minha responsabilidade por um conjunto de políticas públicas que estruturei desde o início da gestão Rodrigo Neves, quando exerci a função de vice-prefeito” afirmou Grael.

Outras mudanças também foram anunciadas com a saída da então secretária de Planejamento, Giovanna Victer, que assumiu a Secretaria de Fazenda no lugar de Pablo Villarim. Sem contar que durante o período em que Rodrigo Neves esteve preso, Comte Bittencourt (PPS) foi nomeado secretário de Governo, no lugar de Bira Marques (PSB), e a chefe de gabinete da prefeitura, Bárbara Siqueira, que acabou exonerada – durante o período Bagueira – embora tenha voltado ao cargo após o retorno de Neves.

Prefeito em exercício

Bagueira assumiu interinamente a Prefeitura de Niterói durante o período em que Rodrigo Neves (PDT) esteve preso preventivamente, a partir de denúncia do Ministério Público (MP). Enquanto presidente da Câmara, foi convocado para assumir a suplência de um mandato na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), situação ainda indefinida que tramita na Justiça.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *