sexta, 04 de dezembro de 2020

Maricá ganha Posto Avançado de agricultura

Secretaria de Agricultura Pecuária e Pesca ganha Posto Avançado da Fundação Instituto de Pesca do Estado . Foto: Divulgação

A sede da Secretaria de Agricultura Pecuária e Pesca, situada em Ubatiba, ganhou, nesta sexta-feira (22), um Posto Avançado da Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (FIPERJ). A data da inauguração é emblemática já que também se comemora o Dia Mundial da Água.

A nova unidade possibilitará também a qualificação dos pescadores artesanais, através de palestras com profissionais do FIPERJ, além de servir de base para emissão de documentações necessárias para os pescadores exercerem suas atividades.

Além disso, o posto servirá de base para ministrar cursos técnicos de Piscicultura, Carcinicultura (técnica de criação de camarões em viveiros), técnica de pesca artesanal, bem como projetos de desenvolvimento da pesca do Sistema Lagunar da zona costeira.

A intenção é impulsionar políticas públicas na área da pesca e aquicultura no município, como o projeto Peixe na Mesa (iniciativa que consiste na distribuição de kits para que a população carente – em especial os beneficiários do Cartão Mumbica – possa produzir alimentos em casa) e da Aquaponia (criação de peixes associados à criação de hortaliças por meio tanques doados através de convênio com universidade).

“O presidente da Fundação quer transformar esse posto avançado municipal em um posto avançado regional para atender não só Maricá, pela estrutura que a prefeitura ofereceu para a FIPERJ, mas expandir atendendo aos municípios vizinhos. É uma alegria muito grande e uma conquista muito importante para o povo de Maricá”, disse o secretário da pasta, Júlio Carolino.

O presidente da FIPERJ, Vicenildo Medeiros, adiantou que elaborou um documento para mostrar ao chefe do executivo, propondo algumas ações para ampliar o atendimento nas questões relacionadas à restinga e às lagoas da cidade. “Maricá tem um potencial muito grande e que nós podemos explorar para fazer com que haja aumento do consumo do pescado, até mesmo na merenda escolar. Creio que o nosso trabalho possa somar muito para o município”, declarou.

Assistindo à palestra sobre Legislação Ambiental, a enfermeira Cristiane Dutra, de 41 anos, se interessou em montar uma Piscicultura em sua casa junto com sua tia. “A secretaria está de parabéns, pois é um trabalho muito importante. Isso vai ajudar as famílias que têm um salário mínimo e que vivem com pouco dinheiro. Com esses projetos da Piscicultura e da Hidroponia a pessoa praticamente tem seu alimento dentro de casa”, relatou contente.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

1 thought on “Maricá ganha Posto Avançado de agricultura

  1. Puxa vida, muito obrigado por compartilhar tanto conteúdo de valor. Vou continuar seguindo o blog / site e compartilhando

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *