sexta, 30 de outubro de 2020

Merenda escolar chega com atraso e compromete aulas em SG

A Prefeitura informou que pretende abastecer a unidade do Barro Vermelho nesta terça-feira (9). Foto: Marcelo Tavares

Como manter alunos dentro da escola por um período integral (turno estendido manhã-tarde) sem merenda? É o que os alunos da Educação de São Gonçalo tem sofrido com atraso no abastecimento de merendas nas unidades do município, nesta semana. Pais e responsáveis também denunciam a irregularidade no horário de saída dos estudantes.

Entre as unidades que estão com a escassez de mantimentos em decorrência da irregularidade na entrega está a Creche/Escola Municipal George Savalla Gomes (Palhaço Carequinha), no Barro Vermelho. Segundo funcionários, nesta segunda-feira (9), o medo era de não conseguir abrir as portas para início da atividades na manhã desta terça (10).

“Estamos tendo dificuldade, há uma semana, com abastecimento. Aqui, temos 160 crianças e, em horário integral não temos como mantê-las na escola. A escola liga todos os dias para verificar a entrega”, contou uma funcionária, que informou que a unidade atende crianças de 3 a 5 anos.

Situação similar, responsáveis denunciam no municipalizado CIEP 125 Professor Paulo Roberto Macedo do Amaral, no Colubandê. Segundo o pai de uma aluna da unidade, é difícil saber o horário de saída dos estudantes por conta da falta de merenda.

“Tem dias que chega pouca comida, que não vem a quantidade para a semana toda, aí mandam as crianças embora. Nesses dias, em vez do horário integral, as aulas vão somente até 11h”, relatou o responsável.

A Secretaria Municipal de Educação, que tem como responsável Marcelo Azeredo, pré-candidato a vereador da cidade, informa que o fornecimento de merenda está sendo normalizado. Porém, atribuiu o atraso na entrega de merenda à empresa contratada no ano passado, alegando que não vem cumprindo com prazos acordados com a prefeitura.

Ainda de acordo a Secretaria, a substituição já está sendo providenciada e 80% das escolas já foram abastecidas.

Sobre a unidade do Barro Vermelho ter o receio de não ter comida nesta terça-feira (10), a Prefeitura informa que a entrega da merenda está agendada para a parte da manhã desta terça. Já em relação ao Ciep 125, comunicou que a unidade já começou a receber os produtos e normalizar o horário de saída.

Colaborou: Tiago Souza

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

1 thought on “Merenda escolar chega com atraso e compromete aulas em SG

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *