terça, 22 de setembro de 2020

Ministério da Saúde nega suspeita de Coronavírus em Niterói

Caso está sendo acompanhado pelo Ministério da Saúde. Foto: Divulgação

O Ministério da Saúde descartou a suspeita de coronavírus no paciente internado em uma unidade de saúde particular de Icaraí, na Zona Sul de Niterói. Ele teria sido hospitalizado após ter apresentado sintomas semelhantes às pessoas infectadas pela doença.

Segundo o Ministério da Saúde, o caso não se enquadra na atual definição de caso suspeito para NCOV-2019 (o novo coronavírus), estabelecido pela Organização Mundial de Saúde. Seguirá, portanto, o fluxo de procedimentos influenza e estabelecer seu diagnóstico apropriado.

Segundo informações, o homem teria retornado da China na última semana. Ele teria sido internado no Hospital Icaraí por precaução, em um setor separado.

A Fundação Municipal de Saúde de Niterói (FMS) esclareceu que monitorou o paciente. “Todas as medidas necessárias foram tomadas pelo município, de acordo com os protocolos”, informou a nota.

A Secretaria de Saúde do Estado também informou que os exames do paciente foram encaminhados para o Laboratório Central de Saúde Pública Noel Nutels, no Centro do Rio, para que sejam feitas análises.

O vírus

O coronavírus é um novo vírus que tem causado doença respiratória, com casos recentemente registrados na China. Segundo o Ministério da Saúde, os coronavírus são uma grande família viral, conhecidos desde meados de 1960, que causam infecções respiratórias em seres humanos e em animais.

Na China, já passou de 2,7 mil o número de pessoas diagnosticadas com pneumonia causada pela nova variante do coronavírus. As informações foram divulgadas por autoridades de saúde do país.

Um total de 81 pessoas morreram em decorrência da doença. A Comissão Nacional de Saúde informou que foram registrados casos da infecção em praticamente todo o país.

Em nota, o Hospital Icaraí informou que o paciente foi atendido na unidade na última sexta-feira (24), com quadro de tosse e dor de garganta há dois dias.

“Como o mesmo não apresentou febre em nenhum momento, o caso não foi classificado como suspeito. Porém, devido à história epidemiológica, o hospital, de forma responsável, optou por notificar o caso à Vigilância Sanitária através do Centro de Informações Estratégicas em Vigilância e Saúde (CIEVS). Estamos mantendo o paciente em isolamento desde seu atendimento na emergência.
Foram colhidas amostras de secreção respiratória para exames específicos através do Laboratório Central de Saúde Pública Noel Nutels, conforme orientação do Ministério da Saúde.
O paciente encontra-se estável, não necessitando de internação em Terapia Intensiva e, assim que possível, receberá alta hospitalar. O mesmo encontra-se em isolamento dentro do hospital, não ocasionando riscos para nenhum outro paciente internado na instituição, bem como para nenhum de seus colaboradores.
Na manhã desta segunda-feira, 27 de janeiro, o Ministério da Saúde informou que está descartada a suspeita de coronavírus no referido paciente – o qual não se enquadra na definição de coronavírus (2019-nCoV).
Nosso compromisso é com o bem-estar da população e de quem necessita dos nossos serviços”.
(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *