quarta, 25 de novembro de 2020

Motoristas que furam bloqueios são multados em Rio Bonito

Os veículos que passarem pelas barreiras sem autorização serão multados pelos agentes de trânsito ou através das mais de 40 câmeras de monitoramento. Foto: Secom Rio Bonito

Desde terça-feira (5), os veículos que passam pelas barreiras da cidade sem autorização estão sendo multados pelos agentes de trânsito ou através das mais de 40 câmeras de monitoramento espalhadas pela cidade.

De acordo com a Secretaria de Ordem Pública, somente na barreira do final da Bela Vista, próximo ao viaduto, mais de 70 veículos furaram o bloqueio passando pela calçada em quatro horas de monitoramento.

Seguindo o Código Nacional de Trânsito (Contran), que permite a multa através de monitoramento de câmeras, a Prefeitura instalou placas sinalizadoras para avisar aos condutores sobre a “fiscalização de trânsito por meio de videomonitoramento”.

O secretário de Ordem Pública, Márcio Soares, conta que a intenção não é punir as pessoas, mas sim, educá-las.

“Fechamos algumas entradas da cidade para proteger nossos munícipes e, até aqui, percebemos que algumas barreiras não estavam sendo respeitadas, por isso, a partir de agora teremos que punir os condutores que insistirem em descumprir o decreto municipal”, disse.

Por transpor bloqueio viário com ou sem sinalização ou dispositivos auxiliares, o Código Brasileiro de Trânsito, no artigo 209, prevê a perda de cinco pontos na carteira e multa grave de R$195,23.

Já por transitar com o veículo em calçadas, artigo 193 do CBT, a multa é gravíssima e o motorista perde sete pontos na carteira, além de pagar uma multa de R$880,41.

Publicada às 15h52

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *