domingo, 13 de junho de 2021

Niterói obriga uso de máscaras transparentes

Comércio, reabertura, covid-19, coronavírus, pandemia
Pelo menos 30% dos funcionários que atendem o público devem fazer uso do equipamento. Foto: Pedro Conforte

Estabelecimentos de Niterói que realizam atendimento presencial ao público deverão, obrigatoriamente, manter o uso de máscaras acessíveis (transparentes) em 30% dos funcionários. A lei 3542/2020 foi publicada no Diário Oficial da cidade, neste sábado (26).

Segundo a publicação, o intuito é facilitar a comunicação via leitura labial de pessoas com deficiência auditiva. O Projeto de Lei é de autoria do vereador Gallo (Cidadania).

As máscaras acessíveis serão obrigatórias enquanto vigorar o decreto municipal que determina o uso de máscaras de proteção facial.

Ainda de acordo com o texto, o Executivo está autorizado a contratar a confecção de máscaras Face Shield da Universidade Federal Fluminense (UFF) para suporte das ações contra a Covid-19 de uso em repartições públicas.

O descumprimento da lei – que entra em vigor na próxima segunda-feira (5) – acarretará em advertência, multa e fechamento do estabelecimento.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');