sábado, 05 de dezembro de 2020

Niterói pode ganhar novo parque municipal

Bairro fica às margens da RJ-104. Foto: Arquivo

Niterói poderá ganhar sua oitava unidade de conservação sob gestão da Prefeitura: o Parque Natural Municipal Floresta do Baldeador, com uma área de 70 hectares, próximo ao Morro do Castro. O local atualmente está inserido na Área de Proteção Ambiental do Sistema Municipal de Áreas de Proteção Ambiental (SIMAPA).

Para a criação do Parque Natural, a SMARHS realiza no próximo dia 26 de outubro uma consulta pública que ocorrerá de forma on-line e presencial na Escola Municipal João Brazil.

Com mais de 500 mil habitantes, a cidade hoje tem cerca de 56% do seu território protegido e composto por áreas ambientalmente protegidas.

“Niterói é uma cidade que atua em várias frentes de trabalho com gestão, para a manutenção de suas áreas verdes. A consulta popular é mais uma forma de fazermos isso. Estamos sempre de mãos dadas com a sociedade”, explica o secretário municipal de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Sustentabilidade, Eurico Toledo.

Ele reitera que a cidade se destaca entre os municípios do estado do Rio que trabalham pela preservação do seu ecossistema como um todo e possui atualmente, sete unidades de conservação administradas pelo município e duas estaduais, além do destaque para implementação de ações e políticas ambientais pela conservação da fauna e flora.    

A área proposta para o Parque Natural Municipal Floresta do Baldeador é limítrofe ao município de São Gonçalo e faz parte do mosaico SIMAPA, unidade de conservação de uso sustentável com extensão de 598 hectares e que engloba zonas de recuperação ambiental e de restrição à ocupação urbana, além de áreas de especial interesse ambiental e de preservação permanente na zona norte da cidade.

A Secretaria de Meio Ambiente destaca que a criação do parque, além de ser um instrumento de mitigação dos conflitos existentes, é uma ferramenta capaz de potencializar os mais diversos atributos ambientais e turísticos que esta área apresenta, promovendo o surgimento de um novo ponto de visitação e oferecendo, principalmente para os moradores da Região Norte, uma alternativa de lazer e recreação.

Dentre as oportunidades, podem ser destacadas:  o estímulo à prática de trilhas em associação à preservação do entorno; o fomento de pesquisas científicas e educação ambiental; ampliação de corredores verdes que conectem os fragmentos florestais do Morro do Castro com a APA do Engenho Pequeno no município de São Gonçalo, além de contemplação da natureza.

A criação do Parque tem ainda o objetivo de proteger o importante patrimônio natural do município e contribuirá na ampliação da cobertura vegetal através de projetos de reflorestamento. Outro fator positivo baseia-se na possibilidade de expansão de oportunidades de geração de empregos para a população residente do entorno da unidade de conservação.

Quem tiver interesse em acessar o estudo técnico para a Consulta Pública, pode solicitar pelo e-mail [email protected].

No site da Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Sustentabilidade de Niterói também podem ser encontrados o estudo técnico e o link de transmissão da consulta. A consulta presencial ocorrerá na Escola Municipal João Brazil (Estrada Bento Pestanas, s/nº, bairro Baldeador), às 10h, do dia 26.  

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

1 thought on “Niterói pode ganhar novo parque municipal

  1. 😂Favelas invadindo a Mata Atlântica ao longo de TODA Rodovia Amaral Peixoto de ambos os lados há décadas, agora criam essa preservação para enganar pensando que o povo é trouxa. Niterói assim como todas as Cidades o Estado do Rio se tornaram um imenso favelão basta olhar para os morros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *