sábado, 24 de outubro de 2020

Ônibus de SG já podem parar fora do ponto à noite

Medida vale para idosos, mulheres e pessoas com deficiência a partir das 22h (Foto: Ibici Silva)

A Lei da “Parada Segura” foi regulamentada esta semana em São Gonçalo e motoristas de ônibus municipais já estão autorizados a deixar mulheres, idosos e pessoas com deficiência fora dos pontos em paradas mais convenientes para os passageiros, desde que dentro do trajeto e com condições para o desembarque, das 22h às 6h.

A estudante e moradora do bairro Covanca, Beatriz de Brito, de 31 anos, contou que conhecia a lei e antes mesmo da regulamentação já pedia aos motoristas para que a deixassem descer fora do ponto, devido à violência.

“A maioria era bem compreensiva, mas é melhor sabermos que agora é um direito nosso”, disse.

De acordo com a lei nº 919/2018, as empresas responsáveis pelo transporte público coletivo deverão orientar os motoristas para a possibilidade do desembarque fora do ponto. Além disso, também deverão divulgar a lei, colocando adesivos em local de fácil visibilidade no interior do veículo.

Questionado sobre a porcentagem da frota que já conta com adesivos e o prazo para colocar em todos os coletivos, o Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (SETRERJ) ainda não respondeu.

O Projeto de Lei nº 71/2017, chamado “Paradinha Segura”, é de autoria do vereador Professor Paulo (PCdoB) e foi aprovado em junho de 2018. Sancionado em novembro do mesmo ano, ele tinha o prazo de 60 dias para ser regulamentado pelo Executivo.

Para o vereador, “o PL tem como objetivo ajudar no combate à criminalidade”.

Muitos moradores de São Gonçalo ainda não sabem da existência da lei, mas a aprovaram, como foi o caso da aposentada Nazaré Guimarães, de 72 anos.

“Eu já sou velha e tem motorista que nem para pra idoso. Nunca fui assaltada, mas a rua que eu moro está perigosa, então tudo que for benefício para nós é válido”, afirmou.

A estudante Ana Beatriz Ferreira, de 23 anos, também elogiou.

“Vai ajudar bastante na minha segurança, porque só volto do trabalho às 23h”, contou.

Segundo a Prefeitura de São Gonçalo, a Secretaria de Transportes está desenvolvendo um trabalho de informação e conscientização junto às empresas de ônibus, com o intuito de fazer valer a Lei da Parada Segura.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

1 thought on “Ônibus de SG já podem parar fora do ponto à noite

  1. Mas uma para os motoristas,teria que ter uma lei digna de renumeração, são tantas e outras que só recai para dificultar mais ainda os motoristas,que já tem que cobrar dirigindo,ter atenção no trânsito,colocar o cadeirante no coletivo,ter atenção com os idosos,e agora ser pedido pra parar em curvas,porque os passageiros não querem andar 5metros,eo salário ó

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *