segunda, 18 de janeiro de 2021

Parceria para fiscalizar praias e lagoas durante o verão em Maricá

Fiscalização será intensificada. Foto: Pedro Conforte

A Prefeitura de Maricá, através da Secretaria de Proteção e Defesa Civil, e a Marinha do Brasil firmaram, nesta quarta-feira (9), uma parceria para futuras ações de fiscalização nas lagoas e nas praias do município.

Militares da equipe de inspeção naval da Capitania dos Portos visitaram a Defesa Civil para conhecer os equipamentos de prevenção, e coletar informações estatísticas de salvamento aquático. Os dados serão utilizados como parâmetro para futuras ações de fiscalização nas praias e lagoas durante o verão.

Para Celso Netto, secretário da pasta, a parceria torna-se importante por garantir as seguranças nas águas do município.

“Mesmo no período de pandemia, com a proximidade do verão nossa cidade pode vir a receber uma grande quantidade de turistas e veranistas, alguns trazendo embarcações de pequeno porte e jet skis, cabe a autoridade marítima, com o apoio da Defesa Civil, regular e fiscalizar essas embarcações a fim de garantir a segurança da população”, comentou.

Ainda de acordo com a Secretaria de Proteção e Defesa Civil, as regras para navegação com jet ski precisam ser respeitadas e cumpridas, como a distância limite para se navegar (200 metros da orla da praia) e o desembarque nas praias, que é permitido, mas a aproximação deve ser perpendicular à orla, e a velocidade não pode ultrapassar 3 nós (5,5 km/h).

Além disso, as embarcações só podem ser conduzidas por pessoas habilitadas, e a inobservância pode gerar detenção e apreensão da embarcação com aumento de pena, caso seja constatada utilização de álcool.

“O objetivo da Capitania dos Portos é coibir os casos de imprudência por pessoas não credenciadas, aumentar a fiscalização e estabelecer a parceria com a Defesa Civil para fiscalização nas praias e em todo complexo lagunar”, explicou o tenente Pereira, da Marinha do Brasil.

A Capitania dos Portos disponibiliza os números (21) 2104-5480 e (21) 972998300 (WhatsApp), para denúncias.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *