segunda, 21 de setembro de 2020

Presente de Iemanjá celebra reconhecimento como patrimônio cultural de SG

Festa na Praia das Pedrinhas celebra religiões de matrizes africanas. Foto: Prefeitura de SG/Divulgação

A Praia das Pedrinhas foi palco da 11ª Edição da festa Presente de Iemanjá, expressão religiosa das matrizes africanas, neste domingo (9). Neste ano, duas iniciativas fortaleceram ainda mais o movimento em São Gonçalo.

A festa Presente de Iemanjá foi reconhecida como patrimônio público cultural de natureza imaterial e religiosa cidade de São Gonçalo, através da lei municipal nº 1022/2019, de autoria do vereador Alexandre Gomes (PSB). Os organizadores celebraram a previsão de apoio orçamentário do governo estadual no próximo ano.

“Entendemos que toda manifestação religiosa deve ser respeitada e por isso estamos presentes e apoiando todos os eventos de cunho religioso. O Estado é laico, e o governo defende o direito de todos”, garante Sandro Capadócia, assessor especial da Secretaria de Estado de Turismo.

A iniciativa tem como marcas, além do cunho religioso, a conscientização ecológica, o estímulo à economia criativa e a diversidade gastronômica oferecida ao público.

O projeto é realizado pela Comissão de Povos Tradicionais de Matrizes Africanas, liderada por Mãe Márcia D`Oxum, com apoio da Prefeitura de São Gonçalo, através da Secretaria de Turismo e Cultura (SMTC) e da Fundação de Artes, Esportes e Lazer de São Gonçalo (FAESG).

“Estamos todos muito felizes neste ano, devido ao reconhecimento promovido pela nova lei municipal, a primeira do país a reconhecer esse movimento religioso; e também pelo comunicado surpresa feito pelo Sandro, da Secretaria de Turismo do Estado”, diz Mãe Márcia.

Presente no evento, o prefeito José Luiz Nanci destacou a importância de apoiar o projeto. “É uma celebração de fé repleta de valores culturais e sociais, que fortalecem sentimentos como respeito, paz e amor ao próximo”, avaliou o prefeito, que recebeu menção honrosa da comissão organizadora do evento.

“Fico muito satisfeito em poder fazer parte dessa história e presenciar o crescimento e a valorização do Presente de Iemanjá ao logo de mais de uma década”, afirma o secretário de Turismo e Cultura, Carlos Ney Ribeiro, que apoia a iniciativa desde a sua criação.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *