quarta, 30 de setembro de 2020

Queimadas provocam desligamentos em linhas de energia no Rio

No ano passado, incêndios causaram apenas um desligamento no estado. Foto: Corpo de Bombeiros – Divulgação

As queimadas no estado do Rio de Janeiro provocaram quatro desligamentos em linhas de transmissão em 2020, divulgou nesta quarta-feira (26) a subsidiária Furnas, da Eletrobras. No ano passado, foi registrado um desligamento. Apesar do risco de queda de energia em cidades e em regiões, o gerente de linhas de transmissão de Furnas, Ricardo Abdo, ressaltou que, em nenhum caso, o fornecimento chegou a ser interrompido ao consumidor final.

Segundo Abdo, as queimadas, além de constituírem um crime ambiental, podem provocar o desligamento de linhas de transmissão.

“A fumaça e a fuligem produzidas reduzem a capacidade de isolamento natural do ar, podendo resultar na abertura de arco elétrico dos cabos condutores para o solo e, consequentemente, no desligamento da linha”. Ele destacou que a falta de energia pode impactar diretamente hospitais e serviços essenciais. “Isso é ainda mais preocupante em tempos de pandemia da covid-19”, afirmou.

Realizar queimadas próximo às instalações do setor elétrico é crime, de acordo com o Decreto 2.661, de julho de 1998, que proíbe atear fogo em uma faixa de 15 metros dos limites de segurança das linhas de transmissão de energia e de 100 metros ao redor das subestações, informou a empresa.

Campanhas

Regularmente, Furnas promove campanhas de esclarecimento para a prevenção de queimadas, visando conscientizar sobre o risco e reduzir as ocorrências, que são prejudiciais ao meio ambiente, à saúde das pessoas e, também, ao sistema elétrico. Quando a empresa identifica queimadas de grande porte, estas são informadas ao Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) para que tome as medidas necessárias.

Denúncias sobre queimadas podem ser feitas à empresa pelo serviço gratuito 0800-025-2555, que funciona vinte e quatro horas por dia, além dos canais disponibilizados no site.

Agência Brasil

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *