quinta, 22 de outubro de 2020

Ritmo de contágio da Covid-19 reduz na cidade do Rio

Adesão ao uso de máscaras e medidas de isolamento estão entre as determinações da Prefeitura. Foto: Agência Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos), disse que, pela primeira vez, houve queda na curva que mede a velocidade de aceleração de contágio do novo coronavírus na cidade. Ele alertou que o afastamento social precisa ser mantido para que a curva caia mais e as atividades possam ser retomadas o quanto antes.

“As medidas que foram tomadas nos últimos dias já mostram uma tendência de queda. O que precisamos fazer é manter o isolamento social. Precisamos prolongar as nossas medidas e respeitá-las” afirmou.

O dado se refere a curva de contágio com que a Covid-19 se dissemina entre a população da cidade do Rio e foi

A sinalização sobre o prolongamento da quarentena vem após a decisão de manter as escolas municipais fechadas até o dia 31 de maio, conforme decreto publicado no diário oficial de sexta-feira (15).

As unidades da rede municipal estão com as aulas suspensas desde o dia 16 de março, em função da pandemia. O isolamento em todo o estado do Rio perdura até 31 de maio.

Isolamento social foi responsável pela desaceleração. Imagem: Prefeitura do Rio de Janeiro

Publicado às 8h50

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *