quarta, 28 de outubro de 2020

Servidores da UFF encerram greve

Os servidores técnico-administrativos da Universidade Federal Fluminense (UFF) decidiram, nesta quarta-feira (9), pelo fim da greve, iniciada em 10 de outubro do ano passado. A assembleia, realizada no Campus do Gragoatá, no bairro São Domingos, em Niterói, contou com a presença de mais de 170 servidores.

Os servidores da UFF votaram em maioria pelo fim da greve (Foto: Divulgação/Sintuff)

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores em Educação da Universidade Federal Fluminense (Sintuff), a decisão foi tomada diante do cenário de corte de ponto anunciado pelo reitor Antonio Claudio Nóbrega, com desconto dos dias parados.

“Para evitar novos prejuízos aos servidores, a categoria por maioria deliberou pela suspensão da greve com retorno imediato ao trabalho”, afirmou o sindicato.

A categoria lutou por três meses contra o aumento da carga horária semanal dos trabalhadores de 30 para 40 horas; o ponto eletrônico, as mudanças de escala de trabalho no HUAP e a PEC 241. Além da revogação do contrato com a EBSERH na UFF, da abertura das vagas ociosas do hospital para concurso público e da manutenção da portaria de 2016.

Segundo a classe, a luta pelas 30 horas não se encerra. “Pelo contrário, uma nova assembleia e reuniões setoriais serão convocadas para encaminhar novas iniciativas de luta”, informou o Sindicato.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *