domingo, 29 de novembro de 2020

Unidade de saúde entregue em novembro na Região Oceânica

O espaço começa a funcionar em novembro. Foto: Berg Silva/Ascom Niterói

A construção do novo módulo do Programa Médico de Família (PMF) do Jacaré, na Região Oceânica de Niterói, segue em ritmo acelerado. A nova unidade, que será totalmente sustentável, vai oferecer assistência a cerca de 6 mil pessoas, que serão atendidas por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e agentes comunitários de saúde. O espaço começa a funcionar em novembro.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Rodrigo Oliveira, a construção está dentro do conceito de responsabilidade socioambiental e causa menos impacto às áreas naturais.

“As intervenções são sustentáveis, respeitando a vegetação, com preservação do terreno local, teto verde, captação das águas da chuva, entre outros. O prédio será totalmente moderno e irá beneficiar as famílias da região”, disse.

Ainda de acordo com o secretário, a estrutura é um modelo para edificações do SUS em Niterói para os próximos anos.

“Essa é uma obra muito importante para o Jacaré. Estou muito feliz com a construção dessa unidade e em poder entregar à população um dispositivo de qualidade que beneficiará muito os moradores da região. Optaremos cada vez mais pelo emprego de recursos para uso de energia renovável e técnicas de uso sustentável dos recursos naturais e também no planejamento dos espaços internos, privilegiando ambientes para as práticas coletivas com trocas de experiências e informações do cuidado em Saúde, buscando dar mais conforto aos pacientes e equipes de trabalho” explica Rodrigo.

O módulo no Jacaré vai fazer com que a Região Oceânica de Niterói tenha 100% de cobertura de atendimento do PMF. A unidade, que está na fase de acabamentos e execução de instalações elétricas, vai contar com consultórios médicos, salas de pré-consulta, vacina, nebulização, curativo, coleta de sangue, dispensação de medicamento e sala para atividades coletivas.

Atualmente, a cidade conta com cerca de 220 mil cadastrados no Programa. Estão previstas, ainda, 4 unidades, nas comunidades do Juca Branco, Serrão, Holofote, Sabão, além do Jacaré. O objetivo é chegar a 100% de atendimento à população mais vulnerável em todas as regiões da cidade.

Reforma

A unidade do Médico de Família de Matapaca, na Região de Pendotiba, vai ser reformada. O secretário Rodrigo Oliveira, assinou, esta semana, a ordem de início das obras do espaço. O Módulo conta hoje com três equipes de saúde e atende a cerca de 6 mil pessoas. A obra tem prazo de três meses de execução.

A reforma do PMF Matapaca prevê troca das telhas, pisos, janelas e portas, pintura, além de novo mobiliário. Os espaços serão todos acessíveis a pessoas com deficiência e a unidade será totalmente climatizada. Durante as obras, os atendimentos serão feitos temporariamente na Unidade Municipal de Ensino Infantil (UMEI) Governador Eduardo Campos, de segunda a sexta-feira, das 8 às 17h.

“Grande parte dos bons resultados de Niterói nessa epidemia se deve ao trabalho dos profissionais do Médico de Família. Quero agradecer e reconhecer a dedicação desses trabalhadores que dão saúde e dignidade à população de Niterói. A gestão atual deu prioridade à saúde, principalmente à atenção básica. Foram reabertos, ampliados e reformados mais de 40 unidades do Médico de Família e seguimos investindo. Estamos com 220 mil pessoas cadastradas e esperamos chegar a 100% de cobertura das áreas mais vulneráveis”, destacou o secretário.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *