segunda, 23 de novembro de 2020

Vacinação contra a gripe começa nesta segunda

A expectativa da Secretaria de Estado de Saúde é que cerca de 6 milhões de pessoas sejam imunizadas. Foto: Mauricio Bazilio/SES

Os idosos serão os primeiros a receber a dose para influenza na Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe, que começa nesta segunda (23). O objetivo é protegê-los, uma vez que são o grupo mais vulnerável à gripe. A expectativa da Secretaria de Estado de Saúde é que cerca de 6 milhões de pessoas sejam imunizadas, alcançando a cobertura vacinal de 90% do público-alvo. Profissionais de saúde também devem se vacinar nesta etapa da campanha.

Por conta da pandemia da Covid-19, o Estado orientou os municípios sobre medidas para evitar aglomeração e, com isso, a propagação do coronavírus, como a vacinação por drive-thru em postos do Detran.RJ, sem a necessidade do idoso sair do carro. A iniciativa foi firmada entre a secretaria e o órgão para colaborar nas ações das prefeituras. Até o momento, quatro cidades já fecharam parceria: Rio, Niterói, Nova Iguaçu e Nova Friburgo.

Além dessa iniciativa, a secretaria recomendou ações específicas para este momento, como estender horários nos postos; realizar parcerias com instituições de graduação e cursos técnicos para ampliar o número de profissionais; priorizar locais abertos para vacinação; distanciar pessoas em 1,5m nas filas; adotar unidades móveis e visitas domiciliares; entre outras. O objetivo é um só: diminuir a concentração de pessoas em único espaço.

Para Edmar Santos, secretário de Estado de Saúde, a vacina contra a gripe, além de ser uma proteção importante contra a doença, pode ajudar na dinâmica do atendimento ao coronavírus.

“A vacinação protege contra a gripe comum e isso evitará que a população busque de forma sistemática assistência nas unidades, permitindo concentração de esforços contra o coronavírus. Estamos colaborando para que as prefeituras realizem a campanha da melhor forma nesse momento extremamente delicado”, aponta.

Para o presidente do Detran.RJ, Antonio Carlos dos Santos, é hora de unir forças.

“Estamos com equipes analisando os projetos de todas as prefeituras do estado para que tudo seja colocado em prática o mais rápido possível. Continuamos abertos para solicitações dos municípios. O Detran está fazendo a sua parte”, afirma o presidente do Detran.RJ, Antonio Carlos dos Santos.

A vacina, composta por vírus inativado, é trivalente e protege contra os três vírus que mais circularam no hemisfério sul em 2019: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2).

Casos no Estado

Em 2020, o estado do Rio de Janeiro registrou 121 caos de influenza/SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) e 3 casos de H1N1, sem registro de óbito. Já no ano passado, foram 2.432 casos de influenza/SRAG e 168 caos de H1N1, com 62 óbitos.

Doença

A gripe é uma infecção aguda do sistema respiratório, provocada pelo vírus da influenza, com grande potencial de transmissão. Provoca febre, tosse, coriza, dores de cabeça e garganta e pode matar.

Principais sintomas

Inicia-se com febre, dor no corpo, e tosse seca. Normalmente, tem evolução por tempo limitado, durando de um a quatro dias, mas pode se apresentar forma grave, podendo levar a óbito.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

1 thought on “Vacinação contra a gripe começa nesta segunda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *