quarta, 02 de dezembro de 2020

Witzel decreta estado de calamidade pública no Rio

Decreto foi assinado pelo Governador Wilson Witzel. Foto: Divulgação

O Governador Wilson Witzel, decretou na noite desta sexta-feira (17) através de edição extra do Diário Oficial estado de calamidade pública no Rio de Janeiro, em virtude da pandemia do novo coronavírus. De acordo com o decreto, o estado de calamidade é válido até o dia 1º de setembro, esse período pode ser prorrogado.

Witzel ainda reconheceu calamidade em 66 cidades do Estado, entre elas São Gonçalo, Niterói, Maricá e Itaboraí.

O projeto que estabeleceu o estado de calamidade nas cidades foi votado na última quinta-feira (16) , na Assembleia Legislativa do em sessão de votação por videoconferência.

Além das cidades da região metropolitana, o decreto reconhece a calamidade nos seguintes municípios: Angra dos Reis, Areal, Arraial do Cabo, Barra do Piraí, Barra Mansa, Bom Jesus do Itabapoana, Cabo Frio, Cachoeiras de Macacu, Cardoso Moreira, Carmo, Casimiro de Abreu, Comendador Levy Gasparian, Conceição de Macabu, Cordeiro, Duque de Caxias, Engenheiro Paulo de Frontin, Guapimirim, Itaguaí, Italva, Itaocara, Itaperuna, Itatiaia, Laje de Muriaé, Macaé, Macuco, Magé, Mangaratiba, Mesquita, Miguel Pereira, Miracema, Nova Iguaçu, Natividade, Nilópolis, Nova Friburgo, Paracambi, Paraty, Paty do Alferes, Petrópolis, Pinheiral, Piraí, Porciúncula, Porto Real, Resende, Rio Bonito, Rio Claro, Rio das Flores, São Fidélis, São João da Barra, São Pedro da Aldeia, São Sebastião do Alto, Santa Maria Madalena, Sapucaia, Saquarema, Seropédica, Tanguá, Teresópolis, Trajano de Morais, Três Rios, Valença, Volta Redonda, Queimados e Quissamã.

Publicada às 13h48

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

22 thoughts on “Witzel decreta estado de calamidade pública no Rio

  1. Meus Deus, que estado de calamidade é esse? É uma politicagem nojenta, só pra tirar dinheiro do governo federal. Que governador cretino. Enganou a todos que votaram nele.

  2. Vamos precisar de ajuda da elite brasileira, para ajudar o SUS com medicamentos e materiais Hospitalares. Assim unidos sairemos rápido dessa epidemia. Não será necessário escolher quem morre. O isolamento deverá continuar e apenas aqueles trabalhadores cuja função seja essencial, deverão continuar, mas fazendo uma escala para evitar aglomeração.

  3. DEUS É PAI E EU CREIO QUE ESTA PANDEMIA VAI ACABAR BEM ANTES. DAQUI HÁ UNS TRÊS MESES NO MÁXIMO ISSO TUDO VAI ACABAR.

  4. Pq estado de calamidade? Nem Minas Gerais decretou e olha que eles estão sofrendo ainda por causa de sobradinho. E pq Niterói? Ao que consta é um município que no momento não esta nem com super lotação nos hospitais. Pq se tiver algum problema o prefeito esta mentindo.

  5. A pandemia maior é o Governador, tocando terror na população que precisa se trabalhar, o povo sabe se cuidar, com máscara e luvas…chega de tanto terror na população

  6. Governador, espero que a Covid19 não tenha afetado sua sanidade mental pois me parece que o senhor está querendo acabar com o Estado do Rio de Janeiro. Pois será o caos na econômica, a não ser que o senhor estará fazendo transferência do seu salário e benéficos, assim como de todos os seus assistentes para o povo que já está sofrendo com falta de trabalho e alimento. Seja coerente por favor. Esse seu decreto é um ato insano.

  7. Apoio, aqui em Angra dos Reis por exemplo a maioria das pessoas não estão fazendo isolamento “aparentemente “. Sempre que tenho que ir a farmácia ou ao mercado vejo as ruas lotadas ?‍♂️.

  8. Esse governador e um mentiroso falar que Niteroi São gonçalo são o Bairro estado de calamidade pública,,, moro em amendoeira meu bairro esta super tranquilo,,,,,O presidente tem que tomar uma posição o mais urgente possível ante que o estado e município quebre,,,,,,,,,,,,,

  9. Um crápula agindo de forma crapulenta pra se levar ao caos e ainda temos que aturar , mas vamos sair ,pois na enxurrada muita lama e muita merda e a gente limpa então não será diferente…

  10. Lendo esses comentários, eu vejo que todo esforço dele foi em vão, visto que a população está pouco ligando para a quantidade de mortes por conta do vírus. Muito triste mesmo.

  11. Gente, todo dia quase as mortes aumentam e vocês acham mesmo que não está em calamidade pública? Se todos tivessem seguido o isolamento desde o ínicio de forma correta, não estaríamos passando por metade disso agora.

  12. Claro que é calamidade, em que mundo esse povo vive pra achar que não é? As pessoas estão morrendo nos hospitais e o povo tá preocupado em voltar para as ruas, muito triste isso.

  13. Fala que não é calamidade para as famílias das pessoas que morreram por falta de atendimento, falta de recursos ou falta de tempo para socorrer mesmo. Me poupem!

  14. Era só seguir o isolamento social da forma certa, assim já estaríamos voltando a normalidade como nos países que seguiram esse protocolo. Mas aqui tudo é uma zona, ninguém respeita nada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *