sexta, 18 de setembro de 2020

A gigante Pequena Lo explode na internet

Influencer virou febre nas redes sociais. Foto: Divulgação

Psicóloga, palestrante e humorista, é assim que a mineira Lorrane Silva, de 24 anos, ou simplesmente ‘Pequena Lo‘ viralizou nas redes sociais e já coleciona milhares de seguidores e milhões de visualizações.

Natural de Araxá, em Minas Gerais, e atualmente morando em Uberaba, a ‘Pequena Lo’ acumula 17 milhões de visualizações na plataforma Tik Tok neste período de pandemia e isolamento social. No Instagram já são quase 700 mil seguidores.

A influencer revela que começou a gravar vídeos para o Youtube em 2015, abordando assuntos sobre preconceito e bullying, mas sempre de uma forma leve e bem humorada. Em 2016, publicou seu primeiro vídeo dançando no Instagram e viralizou. Nos stories apostou na rotina e foi ganhando visibilidade.

Ainda em 2016 entrou para um grupo de dança, o Araxá Dance Company, que participou das Paraolimpíadas Rio 2016, mas em 2017 parou de gravar para se dedicar aos estudos. A psicóloga, recém-formada, conta que retomou os vídeos no final de 2018, gravando danças e abordando os assuntos mais falados no momento.

“Eu não imaginava que ia ter essa repercussão toda, conheci a plataforma e comecei dublando”

Lorrane tem os movimentos dos membros inferiores comprometidos desde o nascimento. Com 11 anos, após passar pela quinta cirurgia, começou a usar muletas, mas segundo a mineira, seu problema não é nanismo.

“Até hoje os médicos não sabem dizer o que é, até estudos já foram feitos e nada. Os médicos classificam como displasia óssea, que é descrita como uma desordem benigna de desenvolvimento ósseo, mas acho que se um dia descobrirem, isso não vai mudar quem eu sou, nem vai mudar minha vida, meu cotidiano, pois já me acostumei”, afirma.

Para a Pequena Lo, todos têm problemas, mas a questão é a forma de como encara e o que isso dirá sobre quem você é.

“Eu falo que problema todo mundo tem, né? Vai de nós mesmos pegar o problema como algo para nos deixar fortes e continuar seguindo a vida sem nos abalar. Pode até aparecer outro lá na frente, mas o principal é acreditar em nós mesmos, em nosso potencial e lutar. Foi isso que aconteceu comigo, hoje me sinto realizada”

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *