quinta, 26 de novembro de 2020

A nova e brasileira Mulher-Maravilha da DC Comics

Foto: Ilustrativa

O Brasil ama super-heróis, basta andar na rua por 5 minutos que logo você verá alguém com um escudo heroico estampado no peito, alguma tatuagem no corpo ou adereço fazendo referência aos quadrinhos. Com isso, é claro que as grandes editoras, como a DC e a Marvel, responsáveis pela criação dos maiores heróis da atualidade, voltam os olhos para o nosso país e se inspiram para levar às páginas das HQ’s, um pouco da nossa cultura. E esse foi o caso de Yara Flor, a nova e brasileira Mulher-Maravilha.

A nova personagem da DC Comics fará parte da iniciativa Future State da DC Comics, uma linha de quadrinhos que terá como objetivo apresentar uma nova geração de heróis. Nela, a Liga da Justiça não será mais composta pelos clássicos Clark Kent, como Superman, Diana Price, como Mulher-Maravilha e Bruce Wayne, como Batman; mas por seus “descendentes”, sejam eles filhos de fato, como é o caso de Jonathan Kent, herdeiro do Homem de Aço, ou apenas um herdeiro do cargo de herói, que é o que ocorre com Yara Flor.

Foto: Ilustrativa

Apesar de ainda não termos muitas informações sobre a nova amazona, afinal só saberemos depois que as revistas saírem em janeiro de 2021, o pouco que sabemos já é bastante animador. Yara Flor, que possui um nome dignamente brasileiro, é amazonense (eu sinceramente achei genial uma amazona vinda do Amazonas). Além do nome e dos traços indígenas, a nova heroína também converte o clássico laço da verdade da Mulher-Maravilha em uma boleadeira, arma de caça originária dos índios muito utilizada no Rio Grande do Sul.

Ainda que Yara apareça na DC Comics com a proposta de ser a nova Mulher-Maravilha, Diana Price continuará atuando como heroína, porém em sua própria HQ, fazendo com que as duas coexistam e não substituam uma a outra (algo que a DC Comics faz frequentemente utilizando o conceito de múltiplas realidades e terras… posso explicar melhor em outro momento).

Por enquanto, ainda é muito cedo para criarmos expectativas, já que sequer a primeira revista protagonizada por Yara Flor foi lançada, mas quem sabe, num futuro próximo, não vejamos a nossa Mulher-Maravilha nos cinemas? Enquanto isso, aguardamos o segundo filme da heroína, protagonizado por Gal Gadot, estrear oficialmente nas telonas. Atualmente, ele está previsto para 25 de dezembro, mas fiquemos atentos para caso ocorra novos adiamentos em relação aos filmes.

Formado em Letras (Português-Literaturas) pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Jonny Sales é aficionado pelo mundo nerd, que acompanha, debate e vivencia, seja numa roda de amigos, ou em seu canal do Youtube ‘Geek Barba’.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *