sexta, 04 de dezembro de 2020

Baile de carnaval com Nilze Carvalho no Teatro UFF

O Teatro da UFF recebe a cantora e cavaquinista Nilze Carvalho no projeto “Show das 4”, dia 27 de fevereiro de 2019 (quarta-feira), para um verdadeiro baile de carnaval, com o espetáculo “Nilze Carvalho canta o Carnaval de Braguinha a Brown!

Nilze Carvalho se apresenta no Teatro UFF (Foto: Divulgação)

Filha de um trompetista de orquestras do subúrbio do Rio de Janeiro, também funcionário da União Brasileira de Compositores (UBC), Nilze Carvalho, desde cedo, demonstrou aptidão para a música. Quando tinha apenas cinco anos foi surpreendida pelo irmão, o percussionista Sílvio Carvalho, tocando a música Acorda, Maria Bonita (Volta Seca) no cavaquinho. A partir daí, seu pai passou a acompanhá-la quando tocava. Em 1975 fez a primeira apresentação pública, na Rádio Solimões, de Nova Iguaçú e em um programa de uma emissora de Belfort Roxo. Com sete anos, conheceu Adelzon Alves e Rubem Confete, dois nomes que incentivaram sua carreira musical.

Em 1981 gravou o primeiro disco como instrumentista, Choro de menina. Como instrumentista gravou outros discos nos anos seguintes: Choro de Menina vol. 2 (1982), Choro de Menina vol. 3 (1983) e Choro de Menina Vol. 4 (1984). Com 15 anos, contratada pelo empresário italiano Franco Fontana, se apresentou na França, Mônaco, Itália, Espanha, Estados Unidos, China, Austrália, Japão e Argentina. Em 1992, mudou-se para o Japão, onde permaneceu por sete anos, tocando em uma churrascaria. Em 1997, gravou o disco Chorinhos de Ouro vol. 4. Em 1999, retornou ao Brasil, ingressou na Escola de Música da UNI-Rio. Três anos depois, passou a integrar o grupo Sururu na Roda, ao lado de Camila Costa, Fabiano Salek e de seu irmão, Sílvio Carvalho. Nesse mesmo ano, o grupo lançou o CD Arco da velha, seguido de Sururu na Roda, em 2004. Como cantora, a carreira de Nilze Carvalho só começou de fato em 2005, com o lançamento do CD Estava faltando você. Participou, também como cantora, ao lado de Pedro Paulo Malta e Pedro Miranda, do CD Lembranças cariocas, lançado em 2010 pela gravadora Biscoito Fino. No mesmo ano, Nilze lançou o segundo CD solo como cantora, O que é meu, produzido por Edu Krieger e lançado também pela Biscoito Fino. Em 2014, lançou o CD Verde, amarelo, negro, anil, indicado para o Grammy Latino na categoria Melhor Disco de Samba. Além de cantora e instrumentista, Nilze é bacharel em música pela UNI-RIO. 

No repertório do show na UFF, estarão canções que traçam um panorama do Carnaval brasileiro, desde os anos 20 – com marchinhas de Lamartine Babo (Pastorinha, A Turma do Funil), Braguinha (O teu cabelo não nega, mulata), João Roberto Kelly (Cabeleira do Zezé), chegando ao Brasil 2000, de Carlinhos Brown (Água mineral), Ivete Sangalo (Poeira) e muitos outros. Arranjos especiais assinados por Nilze Carvalho, com solos de cavaquinho prometem sacudir a plateia.

Músicos fantasiados, Nilze com figurino inspirado em Carmem Miranda e muita serpentina completam a atmosfera carnavalesca do show.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *