segunda, 21 de setembro de 2020

MAC completa 24 anos

Aniversário do museu é nesta quarta-feira (2). Foto: Marcelo Tavares

O Museu de Arte Contemporânea (MAC) de Niterói, obra do grande arquiteto Oscar Niemeyer, completa nesta quarta-feira (2), 24 anos de existência. Inaugurado em 1996 para abrigar as obras de João Sattamini – colecionador de obras de arte – considerado um dos mais importantes acervos do país, o museu passou por uma reforma inédita de modernização em 2016.

Aflorando do espelho d’água como continuação do mar e se abrindo como uma flor, o museu conta também com a Coleção MAC de Niterói, com cerca de 500 obras de arte incorporadas ao acervo por meio de doações de aristas que ali fizeram exposições.

Tendo à frente o diretor Marcelo Velloso e curadoria do mexicano Pablo León de la Barra e do Raphael Fonseca, o MAC de Niterói, sempre apresentou, além das exposições diversas do acervo e externas, uma programação abrangente, que inclui exibição de filmes, debates, entre outras.

Referência para a cidade, para a região e com projeção mundial, o MAC Niterói, um dos cartões-postais do Rio de Janeiro e do país, já foi matéria e estampou capas de diversos jornais e revistas do mundo. Foi tema de documentários – inclusive com o próprio Oscar Niemeyer o apresentando –, de campanhas publicitárias e de inúmeros programas televisivos.

Em março deste ano, fechou para o público, devido à pandemia, e reabriu no dia 8 de agosto, com a mostra “O país ocupado”, da coleção MAC-João Sattamini, que conta com obras de Antonio Dias, Antonio Manuel, Ivan Serpa e Rubens Gerchman. Seguindo protocolos sanitários, como a higienização das mãos com álcool em gel, aferição de temperatura, obrigatoriedade do uso de máscaras e controle de acesso.

A recepção do museu ganhou também um painel de acrílico para proteção dos visitantes e funcionários.

Iluminação

Quem passar pelo MAC Niterói até a próxima segunda-feira (7), vai vê-lo da cor verde. Pela primeira vez, o museu ganhou as cores da Educação Física, em comemoração ao dia da profissão, e para lembrar a sociedade da importância da prática regular de exercícios físicos. E, na terça (8), o verde dá lugar ao amarelo para a campanha de prevenção ao suicídio.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *