quinta, 22 de outubro de 2020

Viradouro inova, traz sereia em aquário e ‘ensaboa’ a Sapucaí

Escola contou a história das Ganhadeiras de Itapuã. Foto: Plantão Enfoco

A Unidos da Viradouro trouxe inovação, carros luxuosos e colocou o samba na boca do público, durante o desfile pelo Grupo Especial, na noite deste domingo (23). Segunda agremiação a cruzar a Marquês de Sapucaí, a Vermelho e Branco de Niterói contou a história das Ganhadeiras de Itapuã, com o enredo “Viradouro de Alma Lavada”, assinado pelos carnavalescos Marcus Ferreira e Tarcísio Zanon.

No primeiro setor, a escola apresentou o prelúdio das águas. A comissão de frente coreografada por Alex Neoral trouxe um tripé com um aquário e uma sereia para a avenida. Quem interpretou a personagem foi a atleta do nado sincronizado da seleção brasileira, Anna Giulia. A pequena alegoria, a partir da orixá Oxum, ‘lavou a alma da agremiação’ e abriu a passagem para dar início à história.

A atleta Anna Giulia interpretou a sereia na avenida. Foto: Plantão Enfoco

Trazendo o símbolo da escola, o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira, Julinho Nascimento e Rute Alves, protagonizaram o ‘sol para a liberdade’, importante para o ganho das escravas. Completando 30 anos de avenida, Julinho acredita na confiança pela escola e na parceria de 13 anos com Rute, para levar a melhor no quesito.

“Toda a equipe trabalho bastante e todo mundo entrou com o mesmo pensamento de fazer um grande desfile. São 30 anos de avenida, mas o frio na barriga é o mesmo de quando comecei. Tenho confiança na minha parceira e na minha escola”, comentou.

Mestre-sala Julinho Nascimento e porta-bandeira Rute Alves. Foto: Plantão Enfoco

O Abre-Alas grandioso trouxe as lendas das águas e o imaginário em torno do quinhão ofertado por pescadores às ganhadeiras. A alegoria foi inspirada nos elementos marinhos do barroco baiano.

“A escola é sempre guerreira, muito forte. O ano inteiro a gente trabalhou com muita dedicação e a comunidade foi muito presente”, disse o presidente de honra, Marcelo Calil.

Um dos pontos altos do desfile foi a consagração do samba-enredo na boca do público. Interpretado por Zé Paulo Sierra, o refrão “Ó, mãe! Ensaboa, mãe! Ensaboa, pra depois quarar” tomou conta da avenida e, não só ajudou a escola a atravessar a Marquês de Sapucaí com energia alta, como auxiliou quando o carro de som interrompeu a transmissão.

Na frente da bateria, quem carregou a coroa, literalmente, foi Raíssa Machado. Interpretando a Rainha Malê, ela homenageou as majestades africanas e puxou o grupo de ritmistas que trouxeram o bloco afro Malê Debalê, do Afoxé para a Sapucaí.

Raíssa Machado trouxe uma majestade africana para avenida. Foto: Plantão Enfoco

Uma novidade na ala dos músicos foi a mistura do samba com o afoxé, além de uma escultura em forma de timbal, de onde duas percussionistas, Mariana Braga e Ana Beatriz Tinoco, subiram para tocar o instrumento em plena avenida.

“A escola estava buscando duas mulheres para tocar o timbal, fizeram vários testes mas ninguém se encaixava. O (Mestre) Ciça nos convidou, a gente até falou que não sabia tocar, mas ele insistiu. Então, a gente começou a fazer aulas em dezembro”, contou Mariana, que tem 27 anos e que desfila desde 2014 na escola.

As musicistas na performance sobre a escultura. Foto: Plantão Enfoco

Para o presidente da escola, Marcelinho Calil, a escola vai brigar pelo título e tem a tradição de entregar bons projetos na avenida.

“Plasticamente, um desfile incrível. Cada ano é uma nova história. Ano passado foi um projeto muito bem sucedido, sem nenhum tipo de problemas. Esse ano é uma nova história, escrita do zero. A escola tem novamente um grande projeto, com certeza vamos entrar na briga pelo título”, afirmou.

Falha

Apesar do desfile grandioso, a Viradouro teve um momento que pode prejudicar a escola na avaliação dos jurados. O último carro, o sexto (“As ganhadeiras de Itapuã – o axé que veio da Bahia!”), apagou em plena avenida por um defeito técnico dos geradores, mas voltou a funcionar momentos depois.

Personalidades

Figuras importantes do município de Niterói desfilaram com a Viradouro, neste domingo. Entre as personalidades presentes, estavam o prefeito Rodrigo Neves, os deputados estaduais Waldeck Carneiro e Paulo Bagueira, além do secretário de planejamento e pré-candidato à prefeitura Axel Grael.

“Estou muito confiante porque o samba da Viradouro retrata a história do povo negro, das mulheres e de toda a dificuldade na luta pela liberdade, igualdade social e pela dignidade do trabalho”, comentou o prefeito.

Rodrigo Neves e Raíssa Machado. Foto: Plantão Enfoco

Para o deputado Waldeck Carneiro, é importante que o niteroiense se sinta representado na avenida, sobretudo com três escolas da cidade tendo a oportunidade de desfilar.

“Viradouro é uma escola já tem título no Grupo Especial e tem uma presença muito marcante na avenida. Para a população de Niterói, a presença de três escolas de Niterói desfilando na Sapucaí, é uma representação muito importante para o carnaval da cidade”, disse Waldeck.

A cantora Margareth Menezes foi um dos destaques das alegorias da escola. Vestindo as cores da Viradouro, Lore Improta veio como musa da agremiação.

“Com fé em Deus seremos campeões esse ano. A maneira de enxergar o carnaval do Rio de Janeiro, de São Paulo, é totalmente diferente do carnaval de Salvador. A alegria e a energia são diferentes, mas é incrível da mesma maneira. Estou muito feliz em poder fazer parte da família Viradouro”, declarou Lore.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

5 thoughts on “Viradouro inova, traz sereia em aquário e ‘ensaboa’ a Sapucaí

  1. Maravilha de Escola ” Viradouro na Sapucaí nota 10 em todas categorias .
    Muito interessante essa história da Bahia .
    Parabéns VIRADOUROS NITEROI ORGULHA POR TANTA CRIATIVIDADE

  2. Maravilhoso! História, cultura , religião e nossa ascendência vistos com vigor, poesia e sensibilidade.

  3. Grandioso desfile da nossa Viradouro, ensaboamos a Sapucaí, espero que esse ano venha para o lado de Niterói, fé.

  4. Sou Viradouro desde de pequena desfiliação. Apesar de estar afastada da escola a dois anos .Mas tenho plena certeza que o título virá para Niterói. Parabéns presidente Marcelinho.a comunidade é forte .que venha chuvas de notas dez .na quarta feira de cinzas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *