domingo, 20 de setembro de 2020

Botafogo empata mas avança na Copa do Brasil

Foto: Vitor Silva/Botafogo

O Botafogo está classificado para segunda fase da Copa do Brasil 2020. Na noite desta quarta-feira (5), o Alvinegro carioca empatou em 1 a 1 com o Caxias, em Caxias do Sul. Os dois gols saíram no primeiro tempo. Pedro Raul abriu o placar para o Botafogo, e Carlos Alberto deixou tudo igual.

Precisando da vitória para avançar na competição, o Caxias assumiu o comando das ações desde o apito inicial. Com a marcação alta e sufocando o Alvinegro em seu campo, os gaúchos criaram mais e estiveram mais perto de marcar do que o Botafogo.

Alberto Valentim armou sua equipe de olho no regulamento e abriu mão da formação habitual com três atacantes, escalando três volantes.

Logo aos 4 minutos, ataque rápido do Caxias e Vinícius Baiano mandou de fora da área e forçou a defesa de Gatito.

Empurrado pela sua torcida, o Caxias tentava pressionar, mas o Botafogo, que não fazia uma boa partida, abriu o placar aos 12, numa bola parada. Falta pela direita do ataque, Bruno Nazário levantou na área, Carli desviou de cabeça e Pedro Raul mandou para o barbante.

O gol não abalou o Caxias, que continuou buscando o gol e dominando o jogo. O empate veio aos 17, em belo chute do meia Carlos Alberto da entrada da área.

O Caxias continuou chegando com facilidade e quase virou o placar. Na primeira, com 31 no relógio, Juninho Potiguar livre aproveitou cruzamento de Ivan e cruzou para a pequena área, mas Benevenuto afastou o perigo antes da conclusão.

Três minutos depois, Vinicius Baiano tabelou com Juninho Potiguar e recebeu de volta na área, na frente de Gatito, que fez grande defesa.

O Botafogo reagiu nos últimos minutos e quase foi para o vestiário em vantagem. Aos 42, contra-ataque e Pedro Raul lançou Guilherme. O meia entrou na área, mas demorou para decidir, e a zaga afastou.

No lance seguinte, Pedro Raul explorou, de cabeça, a falta cobrada por Bruno Nazário. A bola quase encobriu o goleiro do Caxias.

O Botafogo voltou melhor no segundo tempo e equilibrou o jogo. O Caxias não desistia e mantinha maior volume de jogo, mas as duas equipes buscavam o gol. Aos 24, Pedro Raul recebeu lateral e tocou de cabeça para a entrada de Thiaguinho, que bateu por cima do gol em boa chance para o Alvinegro.

Conforme o tempo foi passando, o Caxias foi aumentando a pressão e, no terço final do segundo tempo, mandou no jogo. Sufocado, os visitantes não conseguiam criar e tentavam suportar a superioridade do adversário.

Aos 44, cruzamento da esquerda no segundo pau, Gilmar cabeceou, mas a bola foi sem força e Gatito pegou.

No minuto seguinte, o Caxias desperdiçou chance incrível. Carli afastou um cruzamento na área e deixou Da Silva livre para marcar. No entanto, o atacante chutou para fora.

Após o apito final, jogadores e funcionários do Caxias cercaram o árbitro, que chegou a ser agredido por um membro da comissão técnica

Classificado, o Botafogo aguarda o vencedor do duelo entre Toledo-PR e Náutico-PE, que se enfrentam na próxima quarta-feira, no Paraná.

(Gazeta Esportiva)

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *