segunda, 17 de maio de 2021

Carta de CEO indica que Botafogo investirá mais em contratações

Jorge Braga se manifestou pela primeira vez no Botafogo. Foto: Vitor Silva/BFR

O primeiro CEO da historia do Botafogo, Jorge Braga, divulgou através do site oficial do clube, nesta segunda-feira (27), uma carta aberta aos torcedores. Nela, o economista faz um resumo de seus primeiros trinta dias à frente do Alvinegro e revela os próximos passos dentro da temporada.

Admitindo um cenário devastador financeiramente, Jorge afirma que “se fosse uma empresa, o clube já teria falido há tempos”. Em declarações fortes e realistas, o chefe executivo afirmou que o caminho de reconstrução é muito longo e traçou o quarto lugar da Série B, a última vaga do G4, que dá acesso à elite do futebol nacional, como maior objetivo de 2021.

“Entendo e respeito profundamente o desejo da torcida por títulos mas, frente à nossa dura realidade, nosso único objetivo realista é perseguir o 4º Lugar no Campeonato que começa agora no fim de maio, e voltarmos para a Série A, de onde nunca deveríamos ter saído. Qualquer coisa diferente disso é pedir para fracassar”, disse.

Um dos trechos que mais chamou atenção dos torcedores foi o discurso sobre contratações. O CEO deixou claro que o clube precisará investir mais do que deveria em reforços, visando qualificar o elenco para a difícil missão de ficar entre os quatro primeiros da segunda divisão do Brasileirão.

“E, também por isso, teremos que acelerar a transformação do time que já começou. Precisamos selecionar, atrair e contratar alguns reforços com a máxima assertividade. E para tanto faremos um sacrifício financeiro desproporcional à realidade do clube, mas fundamental para termos chance de subir”, confessou.

Na sequência, Jorge deu a entender que o clube estruturará seu setor de scouting para ter melhor desempenho no mapeamento do mercado, tendo mais critério para contratações. A falta de criatividade do clube no mercado, contratando muitas indicações do treinador Marcelo Chamusca, é o maior motivo de críticas da torcida.

“Vale ressaltar que, apoiados por uma consultoria externa, começaremos um trabalho de reestruturação da parte de análise de mercado dos atletas, reunindo competências numa nova área que se reportará a mim e à Presidência, prestando melhores serviços ao Eduardo Freeland, nosso Diretor de Futebol, liberando seu tempo para focar em performance, e garantindo melhores negociações e valorização (valuation) do nosso maior ativo que são os direitos econômicos federativos”, revelou.

Braga foi cauteloso ao falar sobre Botafogo S/A, tema que agitou as redes sociais após a revelação de que o projeto está parado na mesa do presidente Durcésio Mello há cerca de 45 dias, alegando que o clube precisa ter muita certeza antes de ir à frente. Por fim, pediu para que a torcida não abandone o Alvinegro neste momento tão delicado.

A carta está disponível na íntegra no site oficial do Botafogo – você pode ler clicando aqui.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');