segunda, 25 de janeiro de 2021

Diego usa YouTube para desabafar e escancara problemas do Flamengo

Nos dias de hoje, a internet é uma ferramenta fundamental. E foi através dela, mais especificamente no YouTube, que o meia Diego Ribas, do Flamengo, se pronunciou nesta quarta-feira (13) sobre a situação turbulenta do clube.

Confira na íntegra o vídeo postado por Diego Ribas

Diego abriu o vídeo criticando as fontes dos jornalistas no clube, dizendo que são “pessoas infiltradas que querem prejudicar todo o trabalho”. E que “caso estivessem realmente preocupadas em ajudar, resolveriam internamente”.

Em seguida, o meia falou sobre o elenco do Flamengo, elogiando os companheiros e exaltando o profissionalismo de todos. Diego negou a existência de qualquer racha no grupo e pedindo para “não confundirem cobrança com falta de respeito”.

O jogador admitiu que o futebol da equipe precisa melhorar e afirmou que todos estão se esforçando para isso. A partir daí, Diego pede que a torcida reflita e filtre as informações que recebem através da imprensa.

“Nós estamos aqui para assumir e, temos que assumir, a responsabilidade, assim como levantamos troféus. Porém, em meio de toda essa situação existem mentiras, e nós temos que ser inteligentes. E você, torcedor, é muito inteligente. Entenda que pessoas querem usar meias verdades para construir uma grande mentira. E as informações que têm vazado ultimamente são grandes mentiras”, afirmou.

Diego Ribas saiu em defesa do elenco. Foto: Marcelo Cortes/CRF

Sem citar nomes, Diego citou o ano de eleição no clube para uma mudança de postura.

“Nós vivemos um ano de eleição, e nós sabemos que algumas pessoas, não todas, são capazes de tudo em ano de eleição. São capazes de mentir, são desleais, mas contra as mentiras, as fontes e o vazamento de informações, nós utilizamos princípios e valores, de forma firme, contundente. Isso será sempre assim”, disse o jogador.

O vídeo de quase oito minutos postado por Diego Ribas foi motivado pela crise vivida pelo Flamengo nas últimas semanas. Há três jogos sem vencer, o time foi pressionado pela torcida em protesto no Ninho do Urubu.

O técnico Rogério Ceni, pressionado, foi mantido por Marcos Braz. No entanto, um novo tropeço, diante do Goías, na próxima segunda-feira (18), pode deixar a situação do treinador insustentável.

O Flamengo está na quarta colocação do Campeonato Brasileiro com 49 pontos, sete atrás do líder São Paulo.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *