Fifa estuda aumentar a idade limite dos jogadores para as Olimpíadas em 2021

Idade-limite pode ser de 24 anos. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Os Jogos Olímpicos de Tóquio foram adiados nesta terça-feira (24) por conta da pandemia do coronavírus. Logo após decisão do COI (Comitê Olímpico Internacional) e do governo do Japão ser anunciada, a Fifa publicou nota informando que irá estudar a possibilidade de aumentar para 24 anos a idade-limite dos atletas que irão disputar o torneio de futebol masculino.

“A Fifa acredita firmemente que a saúde e o bem-estar de todas as pessoas envolvidas em atividades esportivas devem sempre ser a maior prioridade e, como tal, saudamos a decisão de COI de hoje. Além da decisão do COI, a Fifa trabalhará com as partes interessadas para tratar de todos os principais assuntos relacionados a este adiamento”, informa a entidade.

Tal decisão tem como principal objetivo não punir os jogadores que completarão 24 anos e, consequentemente, estourariam a idade permitida para as Olimpíadas, que hoje é de 23 anos com apenas três atletas excedendo a idade. Além disso, a FIFA está disposta a rever a liberação de jogadores com os clubes, refazer o calendário e todos os contratos relacionados aos Jogos Olímpicos.

Esta mudança se for confirmada, será de extrema importância para todas as Seleções participantes. No caso da Seleção Brasileira, 11 dos 23 atletas estourarão a idade olímpica. Os meio-campistas Lucas Paquetá e Matheus Henrique, jogadores do Milan e do Grêmio, respectivamente, e o atacante do Manchester City, Gabriel Jesus, estão entre os prejudicados.

Em entrevista ao diário esportivo italiano La Gazzetta dello Sport, o presidente da FIFA, Gianni Infantino, reforçou: “São necessárias medidas rigorosas. Mas não há outra opção. Todos temos que fazer sacrifícios. Voltaremos a jogar quando for possível, sem colocar em risco a saúde de ninguém”.

(Gazeta Esportiva)

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *