quinta, 03 de dezembro de 2020

Flamengo sofre impacto da pandemia e avalia redução salarial

Flamengo começa a estudar formas de adequar orçamento após perda de sócio-torcedores. Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Após tentar emplacar um retorno aos treinos ainda em abril, o Flamengo cai na real e deve reduzir salários. A diretoria tinha esperanças de que o futebol pudesse retornar em maio e o impacto financeiro fosse reduzido. Entretanto, sem apoio das autoridades e de outros clubes, vai ter de ser proativa para diminuir os gastos.

A princípio, fala-se em uma redução de 25% nos salários acima de R$ 4 mil. O assunto vem sendo discutido pela cúpula rubro-negra. Os dirigentes decidiram que era melhor agir no sentido de preservar as finanças do clube, uma vez que o retorno do futebol segue sem previsão.

Perda de associados

Outra ação do Flamengo é no sentido de tentar segurar a queda nos números de seu programa de sócios-torcedores. O Nação Rubro-Negra chegou a ter em torno de 150 mil associados, mas agora está com menos de 110 mil.

Através de um vídeo postado em seu canal no Youtube, o Flamengo tenta frear a debandada. O material também foi enviado diretamente aos sócios-torcedores.

“Estivemos juntos desde o início. Quando poucos acreditavam, a Nação sempre manteve a fé. E o apoio só cresceu. A cada dia, mais gente fazendo o Flamengo mais forte, mais confiante, mais arrasador. Houve momentos em que só nós acreditamos até o último minuto. As conquistas vieram, milhões vibraram nas avenidas, nas praças, em todo o Brasil. E 2020 começou com mais vitórias”, diz o vídeo.

Publicado às 9h. Gazeta Esportiva.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *