terça, 27 de outubro de 2020

Flamengo vence e se mantém 100% na Libertadores

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

O Flamengo confirmou a força no Maracanã e venceu por 3 a 0 o Barcelona-EQU, nesta quarta-feira (11), pela Fase de Grupos da Libertadores. Com o resultado, os rubro-negros seguem com 100% de aproveitamento, só que na vice-liderança do grupo A, atrás do Independiente Del Valle-EQU nos critérios de desempate. Os equatorianos, sem pontuar, se complicaram na busca pela classificação.

Os donos da casa foram superiores desde os primeiros minutos. No entanto, o Flamengo só marcou no fim do primeiro, com Gustavo Henrique e Gabigol. Na etapa final, Bruno Henrique marcou o terceiro e deu números finais a partida.

Na próxima rodada, os flamenguistas vão reencontrar o Independiante Del Valle-EQU, na altitude de Quito, na próxima quinta-feira. No mesmo dia, O Barcelona recebe o Júnior-COL, em Guayaquil.

O jogo

Desde os primeiros minutos, o Flamengo pressionou em busca do gol, mas viu o Barcelona ter a primeira boa chance de gol aos sete minutos. Fidel Martínez cobrou falta, mas Diego Alves fez boa defesa.

O susto não mudou a postura do Flamengo, que teve sua primeira oportunidade no minuto seguinte. Em contra-ataque rápido, Éverton Ribeiro tocou para Bruno Henrique na área, mas o atacante chutou pela linha de fundo.

Depois disso, os equatorianos conseguiram neutralizar os flamenguistas durante um tempo. Somente aos 26 minutos, os donos da casa quase marcaram. Gabigol chutou, a bola desviou na zaga e chegou em Éverton Ribeiro, que cabeceou para grande defesa de Mendoza.

A partir dai, o Flamengo aumentou a pressão até conseguir abrir o placar, aos 37 minutos. Após cruzamento, Gustavo Henrique apareceu sozinho na área e cabeceou para a rede.

Mesmo com a vantagem, os rubro-negros seguiram pressionando e quase marcaram o segundo em chute de Gabigol que parou em grande defesa de Mendoza. Só que aos 44 minutos, os cariocas chegaram ao gol no Maracanã. O árbitro marcou pênalti de Jonatan Álvez na área e Gabigol cobrou com categoria para deixar os donos da casa com boa vantagem no intervalo.

No segundo tempo, o Barcelona tentou atacar nos primeiros minutos, mas viram o Flamengo ampliar o marcador logo aos sete minutos. Após cobrança de escanteio, Bruno Henrique subiu mais que o defensor e cabeceou para a rede.

Com a vantagem no placar, os rubro-negros começaram a diminuir o ritmo. Com isso, o Barcelona voltou a conseguir atacar com mais facilidade. No entanto, os vistantes pouco incomodavam o goleiro Diego Alves.

Os equatorianos quase diminuíram aos 32 minutos. Após boa troca de passes, a bola chegou em Montaño. O atacante chutou, mas Diego Alves fez grande defesa.

Nos minutos finais, o jogo ficou aberto. O Flamengo passou a aproveitar os espaços dados pelo Barcelona para avançar. Tanto que aos 40 minutos, Michael recebeu passe na área e chutou para boa defesa de Mendoza. Os rubro-negros seguiram com mais posse de bola e administraram o resultado até o apito final.

(Gazeta Esportiva)

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *