segunda, 23 de novembro de 2020

Flamengo vence o Junior Barranquilla por 3 a 1

O time garante o primeiro lugar no Grupo A da Libertadores. Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Na última rodada da fase de grupos da Libertadores, o Mengão venceu o Junior Barranquilla por 3 a 1 na noite desta quarta-feira (21), no Maracanã. Os gols do Rubro-Negro foram marcados por Thuler, Lincoln e Bruno Henrique.

Com o resultado, o Mais Querido garantiu o primeiro lugar do Grupo A e terá a vantagem de jogar em casa na segunda partida das oitavas de final da competição.

O jogo

O Flamengo começou a partida com maior posse de bola, trocando passes em sua intermediária de ataque. Aos cinco minutos, o primeiro lance de perigo do jogo foi do Mengão. Matheuzinho fez boa jogada pela direita e tocou para Lincoln, que chegou finalizando por cima da meta. Na sequência, aos 9’, o Rubro-Negro abriu o placar. Vitinho cobrou escanteio na segunda trave, Léo Pereira cabeceou para o meio e Thuler chegou finalizando para o fundo da rede: 1 a 0

A mil por hora, o Fla chegava ao ataque com muita objetividade. Aos 12’, Michael rolou para Vitinho, na pequena área, chutar para grande defesa de Viera. De tanto insistir, o Mengão ampliou o placar! Bruno Henrique desceu pela esquerda, cruzou rasteiro e a bola sobrou para Lincoln finalizar com muita categoria para o gol: 2 a 0.

Com muita tranquilidade, o Mais Querido continuou valorizando a posse de bola no início da segunda etapa. Com a bola girando de pé em pé, o Flamengo pressionava o Junior em seu campo de defesa e, quando perdia a bola, voltava para fazer a recomposição rápida. Aos 23’, num contra-ataque, a equipe colombiana diminuiu o marcador com Téo Gutiérrez, que tocou para o gol na saída do goleiro César: 2 a 1.

Aos 29’, o Mengão fez o terceiro! Matheuzinho cobrou escanteio pela direita e Bruno Henrique subiu lá no alto para marcar um belíssimo gol de cabeça: 3 a 1. Aos 35’, quase saiu o quarto do Fla. Michael fez ótima jogada pela direita e encontrou Ramon na segunda trave, mas o lateral mandou por cima do gol.

Soberano em toda a partida, o Rubro-Negro venceu a equipe colombiana sem sustos e manteve os 100% de aproveitamento no Maraca, pela Libertadores.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *