Homenagens marcam os 25 anos da morte de Senna

Piloto faleceu há exatos 25 anos. Foto: Instituto Ayrton Senna

No dia primeiro de maio de 1994, há exatos 25 anos, Ayrton Senna não conseguiu contornar a curva Tamburello no autódromo de Ímola, na Itália, durante o GP de San Marino, e deu adeus precocemente a uma nação que ainda chora sua perda. Nesta quarta-feira (1), muitos pilotos, construtoras e personalidades do mundo do esporte relembram a importância de Senna no cenário automobilístico e prestam suas homenagens.

Rubens Barrichello, um dos maiores nomes do Brasil na modalidade após a morte de Senna, publicou um vídeo em sua conta do Instagram mostrando o lado humano do colega. “O meu Ayrton é um cara que sempre quis o bem. É um cara que não dava para medir o quanto ele queria o bem. E o que guiava… Pelo amor de Deus! O meu Ayrton é aquele que eu tive a chance de guiar do lado, e que felicidade! O meu Ayrton… Eu sinto saudades”, disse emocionado com uma pista de corrida no fundo do vídeo.

Jean Todt, presidente da FIA (Federação Internacional de Automobilismo), escreveu: “25 anos atrás em Ímola, nós perdemos um piloto fabuloso e generoso homem. Nós sentimos sua falta, Ayrton Senna”. O Twitter da Fórmula 1 fez coro. “Piloto. Herói. Lenda. Vinte e cinco anos depois nós lembramos de Ayrton Senna, um ícone do nosso esporte”.

A McLaren, escuderia pela qual Senna protagonizou eternas brigas com Alain Prost e foi tricampeão mundial, realizou uma série de postagens em seu perfil oficial do Twitter. “Refletindo sobre a vida de uma lenda do automobilismo quando comemoramos 25 anos desde que perdemos nosso amigo e colega, Ayrton Senna”, diz a primeira delas, com uma foto do brasileiro olhando para cima vestindo o capacete.

A Williams, carro pelo qual correu em 1994, também prestou sua homenagem. “25 anos depois, nunca esquecido. #SempreSenna”, hashtag que está sendo utilizada por todos no fim das postagens.

Fora das pistas, outros nomes se posicionaram. O Corinthians, publicamente o time de Senna, postou uma imagem do piloto com roupa de corrida e, por baixo, uma camisa do alvinegro. “Eternamente dentro dos nossos corações”, parodiando o próprio hino do clube.

Adriane Galisteu, ex-namorada, publicou um vídeo com uma sequência de imagens do piloto. “Simply the Best… era assim, é assim… Sempre será assim… Simplesmente o melhor! Ayrton Senna”, escreveu.

Gazeta Esportiva

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *