sábado, 05 de dezembro de 2020

Rodrigo Caio só deve voltar a atuar pelo Flamengo em dezembro

A expectativa da comissão técnica era contar com ele para a partida do dia 24 contra o Racing-ARG, pela Libertadores. Foto: Alexandre Vidal – CBF

A recuperação do zagueiro Rodrigo Caio está superando todos os prognósticos e preocupa o futebol do Flamengo. O jogador não entra em campo desde o dia 22 de setembro, quando defendeu a Seleção Brasileira nas Eliminatórias.

Ao retornar ao clube, Rodrigo Caio foi diagnosticado com um edema ósseo no joelho. Após mais de um mês em recuperação, o zagueiro retornou aos treinos com o grupo. Contudo, durante uma atividade no Ninho do Urubu, sentiu dores na panturrilha, no dia 30 de outubro. Um exame apontou uma lesão muscular de grau 2, e ele iniciou tratamento.

A expectativa da comissão técnica era contar com ele para a partida do dia 24 contra o Racing-ARG, pela Libertadores. Entretanto, nesta terça-feira, um novo exame revelou que o processo de cicatrização ainda não está completo, e o jogador foi vetado.

Existe a possibilidade de Rodrigo Caio estar à disposição para o jogo de volta contra o Racing, no dia 1 de dezembro, no Maracanã. Contudo, a esta altura, ninguém arrisca um prazo definido.

Este é um dos muitos casos de recuperação de jogadores que estão levando mais tempo que o esperado no clube. O mesmo aconteceu com Pedro Rocha e Arrascaeta, recentemente. Existe uma pressão sobre o Dr. Marcio Tannure, chefe do departamento médico, para vir a público explicar o que está acontecendo, já que em 2019, o Flamengo se notabilizou por recuperar atletas em tempo recorde.

Gazeta Esportiva

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *