sábado, 28 de novembro de 2020

Baleada na saída de baile funk em São Gonçalo

Carro, que foi baleado, utilizado pelos criminosos. Foto: Marcelo Tavares

Uma mulher, de 27 anos, foi baleada na perna durante a madrugada desta segunda-feira (28), após os ocupantes do carro em que ela estava terem trocado tiros com policiais militares na Avenida Dalva Raposo, na altura da comunidade da Mangueirinha, em Tribobó, São Gonçalo. A ação terminou com dois homens presos e um revólver calibre 38 apreendido.

Policiais do Batalhão de São Gonçalo (7º BPM) relataram que estavam em patrulhamento de rotina pela região, quando foram atacados a tiros por criminosos, que estavam em um Honda Civic, de cor cinza. Eles revidaram e houve confronto.

Segundo os policiais, após o tiroteio, os acusados jogaram o carro contra a direção da viatura e fugiram. Cerca de 100 metros depois do local em que houve o confronto, os militares viram um homem do lado de fora do mesmo veículo que estava sendo usado pelos criminosos dizendo que havia uma mulher baleada no banco do carona.

Os policiais contaram que se aproximaram do carro e viram uma mulher ensanguentada. O motorista havia fugido a pé. O homem que estava parado ao lado do carro chegou a ser revistado, mas nada foi encontrado com ele.

A vítima foi levada pelos policiais para o Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no Colubandê, mas ainda não há informações sobre seu estado de saúde.

Quando a equipe retornou ao local do fato, foi informada que o mesmo homem que avisou sobre a vítima baleada foi visto retirando um arma de dentro do carro. Os policiais então realizaram buscas pela região e acabaram encontrando o suspeito andando pela RJ-104.

Dupla foi presa. O caso foi registrado na 73ª DP. Foto: Marcelo Tavares

Ele foi abordado e questionado pelos policiais sobre a arma que havia pegado no veículo. O acusado, então, disse aos policiais que havia escondido o objeto em um matagal. Ele foi detido, levou a equipe até o local onde havia escondido a arma e, em seguida, foi encaminhado para a Delegacia de Neves (73ª DP), onde o caso foi registrado.

Horas depois, quando os policiais estavam registrando a ocorrência na delegacia, eles receberam a informação de que um homem deu entrada baleado no Hospital Municipal Conde Modesto Leal, no Centro de Maricá.

A equipe foi até a unidade de saúde e o homem confessou ter participado da troca de tiros. Ele também foi preso.

O Honda Civic utilizado pelos criminosos constava como roubado na área da Delegacia de Rio do Ouro (75ª DP), também em São Gonçalo, no último dia 26 (sábado). O dono do veículo compareceu à delegacia em que os presos estavam e reconheceu um deles como o autor do roubo.

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

1 thought on “Baleada na saída de baile funk em São Gonçalo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *