domingo, 20 de setembro de 2020

Família de vendedor esfaqueado em SG pede por justiça

Dona Cristina Lima, mãe da vítima, prestou depoimento da Delegacia de Neves (73ª DP). Foto: Marcelo Tavares

Familiares do vendedor de camarão, Michael Oliveira Fernandes, de 28 anos, pedem por justiça. O jovem foi esfaqueado no peito e na coxa durante uma discussão com a companheira, dentro de casa, no bairro Boaçu, em São Gonçalo, na tarde deste sábado (18). 

Segundo familiares, após ser ferido, Michael foi levado para o Pronto Socorro de São Gonçalo (PSSG), no bairro Zé Garoto, onde passou por cirurgia – que durou cerca de seis horas – e segue internado em coma. Eles relataram ainda que o estado de saúde do vendedor é gravíssimo. 

A mãe da vítima, Cristina Lima, de 44 anos, contou que não sabe o que teria motivado a discussão, mas desconfia de separação entre o casal que está há cerca de um ano junto. 

“Quando eu cheguei na casa deles, as roupas do meu filho estavam arrumadas dentro de uma sacola”, disse Cristina.

A companheira da vítima, uma jovem de 18 anos, alegou, em depoimento à Polícia Civil, que sofreu lesões em decorrência de empurrões. Ela realizou exame de corpo de delito na tarde desta terça-feira (21). 

Na manhã desta quarta-feira (22) a família do vendedor foi até a Delegacia de Neves (73ª DP), onde a mãe prestou depoimento. 

“Ele sempre foi um filho muito carinhoso, nossa família sempre foi unida. Os filhos são tudo para ele”, disse a mãe. 

O caso está sob investigação da 73ª DP. 

(function(i,s,o,g,r,a,m){i['GoogleAnalyticsObject']=r;i[r]=i[r]||function(){ (i[r].q=i[r].q||[]).push(arguments)},i[r].l=1*new Date();a=s.createElement(o), m=s.getElementsByTagName(o)[0];a.async=1;a.src=g;m.parentNode.insertBefore(a,m) })(window,document,'script','https://www.google-analytics.com/analytics.js','ga'); ga('create', 'UA-1023799-1', 'auto'); ga('send', 'pageview');

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *